PESQUISE NO SITE
Fale Conosco

Bellinha, a Ovelhinha tem um importante recado com novo single: “Lave as mãos”!

Data de publicação: 19/10/2020



Sempre atentas aos temas da atualidade e a questões que envolvem educação, boas maneiras, saúde, valores e formação para as crianças, a Paulinas-COMEP e a Bellinha, a Ovelhinha, lançam o single Lave as mãos. Uma motivação às crianças e adultos a praticarem este simples mas necessário gesto e que ajuda no combate, prevenção ou diminuição do contágio de tantas doenças. Ou seja, basta água e sabão!

Com uma melodia bem agradável, a letra da canção descreve, de forma criativa, a melhor maneira e os momentos em que não podemos esquecer de lavar as mãos. Além disso, a letra fácil de decorar esclarece os cuidados para mantermos a higiene em dia e evitarmos a contaminação com diversos vírus e bactérias.  

Ter as mãos limpas é tão indispensável que existe até uma data para se recordar disso: o Dia Mundial de Lavar as Mãos, em 15 de outubro. Seguem algumas orientações fundamentais, repassadas pelo Ministério da Saúde e também na música da ovelhinha mais querida do Brasil:
 
Como lavar as mãos:
• Usar sabão ou detergente;
• Esfregar as palmas das mãos;
• Esfregar todos os dedos, os espaços entre eles e os punhos;
• Esfregar as pontas dos dedos e as unhas;
• Retirar o sabão com água e enxugar bem, com um pano limpo.


Como e quando lavar as mãos:
• Antes e após o preparo de alimentos;
• Antes de comer;
• Antes e após tratar qualquer machucado, principalmente em crianças;
• Antes e depois de entrar em contato com pessoas doentes;
• Antes de tocar no rosto e olhos;
• Sempre depois de usar o banheiro;
• Após o manuseio ou toque a objetos em lugares onde outras pessoas tiveram contato:
• Depois de tossir ou espirrar.
 
O arranjo musical, a instrumentação e os efeitos de Lave as mãos são do criativo Renato Palão, que deu vida à obra da compositora Ir. Verônica Firmino, fsp. A interpretação ficou por conta das crianças Heitor Cartolari Palão e Henrico Cartolari Palão, e dos adultos Andréia Zanardi e do próprio Renato Palão.

A canção é uma ótima dica para animar o mês das Crianças e faz parte do livro da Bellinha “Palavras Mágicas e boas maneiras”, lançado pela Paulinas Editora.

No contexto da pandemia provocada pelo coronavírus, a canção ganhou uma versão com o subtítulo “Não dê carona ao corona” e já foi ouvida mais de 238 mil vezes no canal da ovelhinha do YouTube. A composição foi adaptada a fim de orientar, motivar e lembrar a importância do cuidado com a limpeza das mãos, distanciamento social e outros hábitos de higiene a serem constantemente praticados e recordados por todos, sejam adultos ou crianças.
 
Por Gracielle Reis

Fonte: Paulinas-COMEP
Postado por: Comep



Compartilhe este conteúdo:

Comentários

Veja Também

Cantando os Evangelhos: canções para o Tempo Comum C

Músicas inspiradas no Evangelho de Lucas, cujos textos regem o Ano C. A composição e música são assinadas por Frei Luiz Turra.

7 músicas para o Domingo da Palavra

Para o dia 23 de janeiro, uma indicação de canções para ressaltar o valor da Palavra de Deus.

Agência Sthefany: shows e eventos católicos para renovar a esperança

A agência está com agenda aberta para levar grandes nomes da música católica aos palcos e meios de comunicação de dioceses, paróquias, comunidades e municípios.

Sereno em tuas mãos: meditações com padre Zezinho, scj e dicas para relaxar o corpo e a mente

Novo álbum do sacerdote para momentos de relax, através de orações e orientações para movimentos de alongamento e relaxamento do corpo.

Cáritas e CNBB reforçam campanha emergencial em solidariedade às famílias da Bahia e Minas Gerais

Saiba como colaborar e ajudar as famílias atingidas pelas chuvas.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados