PESQUISE NO SITE
Fale Conosco

Irmãs Paulinas celebram 100 anos de sua fundação

Data de publicação: 15/06/2015



Nesta última segunda-feira (15/06) a congregação das irmãs Paulinas completou 100 anos de sua fundação pelo Bem-Aventurado Tiago Alberione juntamente com a Vernerável Irmã Tecla Merlo.

A extensa e rica história das irmãs Paulinas nasceu na cidade de Alba, na região de Piemonte no norte da Itália, mas se espalhou no mundo inteiro, mas foi no Brasil, mais precisamente na cidade de São Paulo, que as Irmãs Paulinas iniciaram a sua história sem fronteiras.

"A história dos 100 anos de existência das Irmãs Paulinas é simples e silenciosa, como o fermento na massa, a semente no terreno, o sal na comida, mas é, também, fecunda, porque o fermento levedou, a semente produziu frutos e o sal deu sabor ao alimento. Pelo testemunho de vida consagrada e pela ação evangelizadora das Irmãs, com a colaboração de leigos dedicados, o Evangelho de Jesus se fez palavra impressa, música, canção, imagem, levando ao coração das pessoas e da sociedade a verdade que ilumina, a certeza que não engana, a vida que não termina.

Reconhecemos que essa história não foi construída somente por nossas mãos, mas, principalmente, pela “mão forte e suave” de Deus, da Igreja, das demais congregações e institutos da Família Paulina e do povo, que, de norte a sul, sempre acolheu a Palavra de Deus, por meio das semanas bíblicas, das visitas às famílias e de outras atividades realizadas pelas Irmãs Paulinas."

Irmã Maria Antonieta Bruscato, Superiora provincial

Conheça mais sobre a história das Paulinas e veja quem também ajuda a construir essa história!
Acesse: www.paulinas.org.br/centenario

Fonte: Centenário Paulinas
Postado por: Comep



Compartilhe este conteúdo:

Comentários

Veja Também

Quaresma 2022: inicia-se o tempo forte na Igreja de oração, jejum e penitência

Em especial, para a celebração de 2022, o Papa Francisco convidou crentes e não-crentes a uma jornada de jejum pela paz entre Rússia e Ucrânia.

Por que existe a devoção a Nossa Senhora aos sábados?

Saiba de onde vem esse costume, que está relacionado ao Tríduo Pascal. Maria teria sido a única pessoa que permaneceu firme, esperando a ressurreição de Jesus.

O que é o Tempo Comum no calendário litúrgico?

Subdividido em duas partes, um “tempo ordinário”, mas não menos importante e que pode ser vivido com a música para os momentos de oração e escolha dos cantos para as Missas.

Cantando os Evangelhos: canções para o Tempo Comum C

Músicas inspiradas no Evangelho de Lucas, cujos textos regem o Ano C. A composição e música são assinadas por Frei Luiz Turra.

7 músicas para o Domingo da Palavra

Para o dia 23 de janeiro, uma indicação de canções para ressaltar o valor da Palavra de Deus.

Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 Próximo Final

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados