PESQUISE NO SITE
Fale Conosco

Um ano novo nas mãos de Maria, Mãe de Deus

Data de publicação: 27/12/2019

Maria, mãe de Deus

A Solenidade de Maria, Mãe de Deus, em 1º de janeiro, marca o início do novo ano civil, quando também celebra-se o Dia Mundial da Paz. Um sinal para que a nova etapa seja consagrada à Virgem Maria.
 
Ainda nas alegrias do Natal, esta celebração tem relação com as duas naturezas de Cristo. Ou seja, Jesus é verdadeiramente Deus e verdadeiramente homem. Sendo assim, Maria, ao gerar o Filho de Deus feito homem, não seria Mãe apenas de uma natureza. Ela é Mãe do Cristo todo, Deus e homem.
 

Entendendo o título de “Maria, Mãe de Deus”
 
A denominação tem sua origem a partir de dois importantes concílios dos primeiros séculos da Igreja: o de Niceia (325) e Constantinopla (381), que trataram sobre o mistério da Santíssima Trindade (a consubstancialidade de Deus uno e trino) e Jesus Cristo verdadeiro Deus e verdadeiro homem.
 
Importante também destacar um ensinamento de Santo Atanásio: “A natureza que Jesus Cristo recebeu de Maria era uma natureza humana. Segundo a divina escritura, o corpo do Senhor era um corpo verdadeiro, porque era um corpo idêntico ao nosso”. Cristo se encarnou, assumiu plenamente a condição humana, exceto no pecado, mas isto não fez mudar em nada a Trindade Santa. Ela continua a mesma, não foi fragmentada com a encarnação de Jesus. É sempre perfeita e nela há uma só divindade.
 
Por fim, a declaração de “Santa Maria, a Mãe de Deus” se deu no terceiro concílio ecumênico, no ano de 431. Desta forma, se Maria trouxe Jesus em seu seio e a Igreja proclama um único Deus com três pessoas distintas - Pai, Filho e Espírito Santo -, a Santíssima Virgem é, portanto, a Mãe de Deus.
 

Consagração 2020 à Mãe de Deus e nossa

Um ano entregue à Virgem Maria é sinônimo de andar na presença de Deus. Ela é a “cheia de graça” não por seus méritos, mas porque Deus a constituiu assim.

Sendo plena dessa graça, ela também é medianeira de todas as bênçãos e não quer ser exaltada, mas o seu Filho. Ela foi a Primeira Cristã fiel a Jesus.

Louvamos a Maria e o que o Senhor fez nela e ainda continua realizando por sua intercessão. Com essas canções, podemos demonstrar nossa devoção a Nossa Senhora e pedir que abençoe a nossa vida, nossa família e nossos propósitos em 2020.
“Benção, mãe”. “Benção, mainha”. É o que muitos de nós pedimos à nossa mãe da terra, cada um no seu sotaque. Mais ainda podemos pedir à Mãe do Céu cantando:
  • Com o Grupo Chamas, uma linda oração e resumo sobre a Mãe de Deus ou do grego Teotokós;
  • Pe. Zezinho, scj, e a tão conhecida Maria de Nazaré. Música sempre presente em celebrações, Missas e orações do Terço;
  • A Virgem do Silêncio (Cantores de Deus) nos ensina a guardar todas as coisas no coração. Acolhe-nos em seu braço e nos enche de carinho;
  • Ela é a Porta do Céu, que nos conduz a Jesus. Na voz de Pe. Fábio de Melo, peçamos a ela a paz que vem do céu por todas as situações de conflito, guerras e destruição que atingem o mundo de hoje;
  • Ave Maria de Gounod: um clássico que emociona há séculos. Vale a pena escutar com o coração, sentir os acordes do violino e piano e confiar o ano de 2020 à Virgem Maria;
  • “Nossa Senhora, me dê a mão, cuida do meu coração, da minha vida, do meu destino, do meu caminho. Cuida de mim”. Outra música que emociona os brasileiros: “Nossa Senhora” de Roberto Carlos.
Aqui muitos outros cantos para a Mãe de Deus e Mãe nossa:

Escute no Spotify

Escute na Deezer


Por Gracielle Reis

Fonte: Paulinas-COMEP
Postado por: Comep



Compartilhe este conteúdo:

Comentários

Veja Também

Orações pelos fiéis defuntos: indulgências plenárias serão estendidas para todo o mês de novembro

A Igreja decretou novas condições para as indulgências a fim de evitar aglomerações. Confira quais são e músicas para alimentar a esperança.

No Dia Nacional do Livro, um destaque ao audiolivro e à evolução tecnológica no consumo de conteúdos

O audiolivro ou audiobook não é tão recente, porém tem ganhado mais espaço pelo desenvolvimento das plataformas digitais e sua facilidade em diversas situações.

Jô D’Melo estreia na gravadora Paulinas-COMEP como cantor solo

A música de lançamento do trabalho solo é “Acima de tudo”. Uma profissão de fé ao Deus do impossível e que está acima de tudo.

Bellinha, a Ovelhinha tem um importante recado com novo single: “Lave as mãos”!

Com uma melodia bem agradável e letra fácil de decorar, a música traz o tema para alertar crianças e adultos sobre esse fundamental gesto à saúde de todos.

Círio de Nazaré e Nossa Senhora Aparecida: as duas maiores festas marianas do Brasil sofrerão adaptações nos festejos de 2020

O contexto da pandemia forçou a adaptação de diversas atividades e eventos. Contudo os fiéis poderão vivenciar tais festas em família, na segurança e intimidade de seus lares.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados