PESQUISE NO SITE
Fale Conosco

Rezar e adorar em casa: dicas para a oração no dia a dia

Data de publicação: 24/04/2020

Naturalmente e em diversas religiões, o ser humano tem o desejo do transcendente e do sobrenatural. Aspiramos as “coisas do alto” e buscamos que a sabedoria insondável do Senhor nos envolva:

"Sabeis tudo de mim, quando me sento ou me levanto. De longe penetrais meus pensamentos. Quando ando e quando repouso, vós me vedes, observais todos os meus passos. A palavra ainda não me chegou à língua, e já, Senhor, a conheceis toda. Vós me cercais por trás e pela frente, e estendeis sobre mim a vossa mão. Conhecimento assim maravilhoso me ultrapassa, ele é tão sublime que não posso atingi-lo." (Sl 138,2-6).

Mas como me ligar às coisas do alto? Como posso rezar? O que é a oração? A seguir, compreenderemos o que é a oração e como melhor inseri-la em nossa vida diária, inclusive no contexto atual, em que muitos estão em recolhimento em suas casas:


1) Entendendo o que é oração
Vejamos o que diz o Compêndio do Catecismo da Igreja Católica (CIC) sobre o que é a oração: “A oração consiste em elevar a alma a Deus ou em pedir a Deus bens conformes à sua vontade. Ela é sempre um dom de Deus que vem ao encontro do homem. A oração cristã é relação pessoal e viva dos filhos de Deus com o Pai infinitamente bom, com o seu Filho Jesus Cristo e com o Espírito Santo que habita no coração daqueles” (nº534). Ou seja, trata-se de um relacionamento íntimo com o Senhor, na compreensão de que Ele nos atrai para si, nos atraímos a Ele e queremos viver nessa linda comunhão. Cada um poderá afirmar, portanto: Ele é o Amado de minh’alma!

2) Todo e qualquer tempo é tempo para rezar e adorar
Independentemente do momento atual de desafios para toda a humanidade, uma vida de oração e de intimidade com o Senhor precisa de ser algo inerente à nossa vida e cotidiano. Este sempre é cheio de compromissos com o trabalho, família, filhos, estudos etc. Mas e o nosso compromisso com o Senhor? E se dedicarmos o tempo adequado a Ele (o que deve ser a primeira coisa), Ele nos conduzirá em Sua misericórdia, amor, perdão, assim como as nossas atividades e ocupações. Com a playlist "Rezar e adorar em casa", por exemplo, organize seus momentos de oração.


Disponível também no YouTube e Deezer.

3) Busca dos meios e organização do tempo
Cultivar uma vida de oração requer coragem e disciplina. Coragem para sairmos de nós mesmos, sermos verdadeiros diante do Senhor e disciplina para planejar o tempo. E como fazer? A Igreja nos apresenta maravilhosos instrumentos: a Palavra de Deus, Sacramentos, jejum, Santo Terço, entre outras práticas devocionais, que nos favorecem na proximidade com o divino. E assim como alguns hábitos estão inerentes ao nosso cotidiano (dormir, comer, escovar os dentes, tomar banho, trabalhar, estudar etc), a intimidade com Deus precisam também de serem inserida em nossa rotina. Um esforço diante do qual a Virgem do Silêncio pode nos auxiliar.

4) Podemos alargar as fronteiras da oração
A conjuntura atual tem comprovado que o mundo tornou-se a nossa paróquia! Diante da suspensão de Missas e celebrações com a presença física de fiéis, os meios de comunicação têm sido importantes instrumentos para alimentar a fé. Especialmente na internet, multiplicam-se as iniciativas: transmissões de Missa, Terços, partilha da Palavra, grupos de oração e muitas outras ações. Ou seja, uma prova de que não estamos isolados e nossa comunhão com os irmãos não tem fronteiras.
Obviamente, a presença física e a importância de estarmos presencialmente nas Missas e celebrações são insubstituíveis. Contudo, as novas circunstâncias mostram que a humanidade toda está unida em uma grande rede de oração e solidariedade. Uma relação pessoal e viva com Deus que se dá em nossa casa e em conexão com pessoas dos mais diversos lugares. Deus é o Alfa e Ômega, é soberano e sua ação não tem barreiras!

As Irmãs Paulinas também estão nessa comunhão/conexão com muitas pessoas! As religiosas realizam lives com momentos de adoração no Instagram e Facebook. Acompanhe mais essa oportunidade de oração e espiritualidade em sua rotina.



Rezar e adorar não tem contraindicação! Serve para todas as idades, gostos, culturas e classe social. O que importa é dispor o coração.

Por Gracielle Reis

Fonte: Paulinas-COMEP
Postado por: Comep



Compartilhe este conteúdo:

Comentários

Veja Também

Paulinas Brasil 90 anos e a missão com a música

As Irmãs Paulinas celebram 90 anos no Brasil, sendo 61 deles de missão com a música através da gravadora Paulinas-Comep.

No mês das missões, Jonny Mendes, lança single “Missionário”

Uma música com ritmo animado e melodia envolvente, que ajuda os missionários a seguirem o caminho com alegria, mesmo diante dos desafios da missão.

Bellinha, a Ovelhinha, vem ensinar, com novo single, como ser “Criança Aprendiz”

Na semana do Dia das Crianças e do Professor, a querida Bellinha lança uma canção sobre educação e valores a serem transmitidos aos pequenos.

12 canções em louvor à Nossa Senhora Aparecida

É 12 de outubro! Um dia muito festivo não apenas no Santuário Nacional, como em tantas dioceses, paróquias e comunidade. Há 90 anos, ela foi proclamada padroeira do Brasil.

Só um coração: novo single de Antonio Cardoso ressalta problemática da pobreza e homenageia padre Júlio Lancelotti

Na contagem regressiva para o V Dia Mundial dos Pobres, o compositor e cantor lança a música neste 14 de outubro, exatamente a um mês da data especial.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados