Edição 87, Julho/Setembro

Data de publicação: 17/07/2017


A caminho da reconciliação
Na Catedral de Lund, na Suécia, em 31 de outubro de 2016, luteranos e católicos reunidos em oração ecumênica abrem as comemorações do 5o Centenário da Reforma Luterana. Na ocasião, papa Francisco e o arcebispo Musa Panti Filibus presidente da Federação Luterana Mundial assinaram uma Declaração Conjunta Católico-Luterana da Reforma.
No decorrer da celebração, o papa Francisco lembrou que “católicos e luteranos, começamos a caminhar juntos pela senda da reconciliação. Agora, no contexto da comemoração comum da Reforma de 1517, temos uma nova oportunidade para acolher um percurso comum, que se foi configurando ao longo dos últimos 50 anos no diálogo ecumênico entre a Federação Luterana Mundial e a Igreja Católica. Não podemos nos resignar com a divisão e o distanciamento que a separação gerou entre nós. Temos a possibilidade de reparar um momento crucial da nossa história, superando controvérsias e mal-entendidos que impediram frequentemente de nos compreendermos uns aos outros”.
Na declaração que assinaram, os dois líderes religiosos afirmam: “Enquanto o passado não se pode modificar, o que é lembrado e o modo como é lembrado podem ser transformados. Nós oramos pela cura de nossas feridas e das lembranças que turvam a nossa visão uns dos outros. Rejeitamos categoricamente todo o ódio e violência, passados e presentes, especialmente os implementados em nome da religião. Reconhecemos que somos libertos pela graça para nos dirigirmos para a comunhão a que Deus nos chama continuamente”.




Cultura

Brasil

Luzia Sena – Museu de Arte Indígena







Religiões



Artigo

As reformas são inerentes às religiões






Artigo

Lutero e a Reforma







Oração

Dia de oração e cuidado com a criação






Resenha
 Ecumenismo e Reforma






Atualidade


Artigo
 WhatsApp! Amizades?– Carmen Maria Pulga





Artigo
Mediação de conflitos no ambiente familiar e na comunidade escolar





 

Artigo
 Conciliar é a melhor Solução







Educação



Artigo 
Propostas educativas de Lutero






Artigo
Formação de docentes para o Ensino Religioso:
A partir da ética social em Lutero





Artigo
Madba - um exemplo de luta pela igualdade na diversidade






Você Sabia
A Base Nacional comum e o Ensino Religioso










Fonte: edição nº 87, Julho/Setembro
Postado por: Diálogo




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

Edição 86, Abril/Junho de 2017
Revista Diálogo edição 86 destaca o papel do líder
EDIÇÃO 85
Pertencemos a uma mesma casa comum. O impacto dessa concentração populacional sobre o meio ambiente produz dilemas que põem em risco as riquezas naturais. De forma simples, vamos aborda cada um de nossos biomas,características e problemas fundamentais.
EDIÇÃO 84
Taj Mahal- O amor imortalizado em um monumento-túmulo. Desde os seus primódios, os seres humanos – em todos os tempos e lugares – expressam de alguma forma um instintivo respeito aos mortos
EDIÇÃO 83
Ensinar a amar. A Misericórdia, o perdão e ao compaixão existem no coração de cada ser humano.
EDIÇÃO 82
Fugir da terra natal é, para o senso comum, a última alternativa a uma ameaça extrema
1 2 3 4 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados