BUSCA

Ceiça Schettini




Desde pequenininha, amo ler e escrever. Filha de uma amorosa e dedicada professora primária, aos quatro anos de idade fui apresentada por ela ao encantado mundo das letras, sendo alfabetizada, em casa, pelo método “Casinha feliz”. Mesmo antes de ir à escola, frequentava todas as tardes a Biblioteca Monteiro Lobato, numa praça a algumas quadras da minha casa, onde me sentia fascinada pelas estantes repletas de livros infantis. Como eu adorava ir àquele lugar! Hoje, analisando, concluo que todos esses elementos foram muitos marcantes e colaboraram profundamente para este amor incondicional pela escrita e a minha atração irresistível por escrever sobre felicidade.

Lembro, nitidamente, da alegria ao ganhar da minha mãe o meu primeiro livro de histórias, que fez a minha imaginação viajar com o guarda-chuva e a valise de Mary Poppins, e também do orgulho ao receber do meu pai, anos depois, o meu primeiro livro de poesias, que me fez sonhar embalada pela sensibilidade de Fernando Pessoa.

Fui uma criança e adolescente tranquila, conhecida, porém, por ser falante e adorar escrever. Atribuo esses traços da personalidade ao fato de gostar muito de gente. Gosto de observar, abraçar, mergulhar em outros universos e trocar ideias com muitas outras pessoas, pois tudo isso me faz sentir a minha energia vibrante.

Com o passar dos anos, me tornei mãe de duas meninas, hoje duas lindas mulheres, a quem continuo carinhosamente chamando de Juju e Dudinha. Como toda boa mãe, precisei adquirir atributos que fortalecessem o desempenho deste papel e vi, na minha fé em Maria, o alimento essencial, que torna o meu coração cada vez mais repleto de amor e mais vigoroso para prosseguir confiante. É com alegria que me apoio diariamente nela e, quando me sinto humanamente impossibilitada de resolver algo, é a Maria e ao seu infinito amor que recorro, pedindo que ela passe na frente e me ajude a continuar caminhando feliz.

Vivo intensamente cada bom momento e, como qualquer pessoa, absolutamente comum, tenho dias alegres e outros nem tanto, mas me considero uma pessoa feliz e tenho plena consciência disso, pois não me apraz ser incluída no bloco dos “a gente era feliz e não sabia”.

Ao longo da vida, fui descobrindo que todas as pessoas têm problemas e então concluí que o que diferencia uma da outra não é ter ou não problemas, e sim o tipo de atitude que se tem diante deles. Parece piegas, mas foi a partir dessa conclusão que decidi encarar a vida com mais leveza, olhando sempre para a metade cheia do copo, e tomei uma decisão, talvez a mais importante da minha vida: a de ser feliz, apesar de tudo.

Um dia, escrevi uma frase, que se tornou meu mantra pessoal e com a qual procuro cada vez mais ser coerente, mantendo o mais alinhadas possível a teoria e a prática: a felicidade é uma escolha pessoal, diária e intransferível. É baseada nela, que pauto as minhas escolhas e atitudes diárias. Nem sempre é fácil, mas o meu coração segue muito mais confiante quando me deixo embalar por esta convicção.

Apesar de escrever diariamente desde os doze anos de idade, nunca me imaginei blogueira nem escritora com dois livros publicados, como sou hoje. Mas, olhando bem para a minha história e para todos os ingredientes que a vida me proporcionou reunir durante a caminhada, agradeço a Deus por esta maravilhosa oportunidade de compartilhar minhas ideias e emoções com pessoas de vários lugares do mundo.

Sigo assim, tentando dar o melhor de mim a cada coração que cruza minha passagem, ainda que nem sempre obtenha o êxito desejado. Mantenho-me, porém, firme no propósito de praticar o amor e a alegria de forma contínua e cada vez mais ampla, pois acredito que esta é a chave para a minha felicidade. E se Deus permitir que eu continue disseminando esta ideia através dos meus escritos, pretendo cobrir o meu caminho de livros e abraços.

Ceiça Schettini

Obras da autora publicadas por Paulinas:







Compartilhe este conteúdo:



Espaço do Autor

Autor destaque - Matthias Grenzer

Autor destaque - Frei Jaime Bettega

Autor destaque - Pe. Antonio Francisco Lelo

Autora destaque - Irmã Lina Boff

Ir. Ivonete fsp - Autora destaque

Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados