BUSCA

Lançamentos

Madre Teresa me disse

Data de publicação: 09/08/2019

Madre Teresa de Calcutá é uma unanimidade: uma personagem universal, ecumênica, amada por todos, mais ainda por aqueles que conviveram com ela, como é o caso do jornalista Renzo Allegri.

Neste livro, que afirma não se tratar de uma biografia nem ter as características de uma narrativa histórica, ele recorda os vários encontros que teve com a Santa de Calcutá.

Embora as palavras fossem poucas, sempre breves e sintéticas, a impressão que Madre Teresa deixava era sempre grandiosa. Segundo o autor, ela era um ícone, que transmitia pensamentos e reflexões com a própria imagem. E é isso que se depreende da leitura: a fragilidade de uma figura pequena e encurvada pelo sofrimento e cansaço, mas que se agigantava ao doar-se total, absoluta e incondicionalmente aos mais necessitados.

O livro se apresenta como uma narrativa agradável, com alguns episódios conhecidos do público, por terem sido noticiados pela mídia internacional, e outros colhidos na intimidade de um encontro privado, quando Madre Teresa aconselhava, sugeria uma reflexão ou simplesmente contava algo relacionado a seu passado ao entrevistador. Que seu exemplo extraordinário continue a inspirar as pessoas de boa vontade ao redor do mundo!


Renzo Allegri, jornalista, escritor e crítico musical, nasceu em Verona em 1934. Estudou jornalismo na Escola Superior de Ciências Sociais da Universidade Católica. Foi enviado especial e crítico musical da revista Gente por 24 anos, e depois redator-chefe de cultura e espetáculo dos semanários Noi e Chi. É autor de mais de cinquenta livros, relacionados a pesquisa sobre música clássica, religião e parapsicologia, muitos dos quais traduzidos em todo o mundo, como é o caso de Reportagem de Fátima: a história e os milagres na versão do sobrinho da Irmã Lúcia; Padre Pio: um santo entre nós; O Papa bom: testemunhos de quem viu, ouviu e viveu perto de João XXIII, publicados por Paulinas Editora.