Liturgia da Palavra

Data de publicação: 09/12/2015

Ano C – 13 de dezembro de 2015 - 3º Domingo do Advento
Sf 3,14-18a  − O Senhor teu Deus está a teu lado.
Is 12,2-6 – O Senhor é a minha salvação.
Fl 4,4-7 – O Senhor está próximo.
Lc 3,10-18 – Ele vos batizará com o Espírito Santo.
 “Preparai o caminho do Senhor, endireitai as veredas para ele” Lucas 3, 4

Reflexão:
Cônego Celso Pedro da Silva
Arte: Sergio Ricciuto Conte

Alegrem-se porque o Senhor está perto, está por perto, está bem junto de todos nós. João Batista continua nos ajudando a remover obstáculos. Ele nos ensina a sensibilidade prática. Olhe para os lados e veja o outro. Você tem muita coisa em seu guarda-roupa, e há gente maltrapilha por perto. É Jesus que está por perto. Não lhe falta o que comer e há por perto gente passando fome, que você não viu por falta de sensibilidade. Desenvolva a sensibilidade com exercícios práticos de percepção do outro. Sem romances, tragédias ou ilusões. Abra os olhos e veja a vida. A questão não é roupa e comida. Entre nós não se passa fome na rua. Às vezes a fome está dentro de casa, quando o inesperado aconteceu. O que falta é justiça, junto com a honestidade e o respeito pelos outros. Não extorquir dinheiro, diz João, não fazer falsas acusações.
João prepara o caminho de alguém que é forte e traz o Espírito Santo purificador. O Espírito Santo vem e, se puder agir, purifica a casa onde se encontra e seu entorno. Limpa a eira e queima a palha. Não pensemos logo na condenação dos maus e sim na purificação do mal. Ele não nos deixa cair em tentação e livra-nos do mal. A palha na eira simboliza o mal que o fogo limpará e purificará. O mal personificado pode ser o próprio demônio derrotado e lançado no fogo que não se apaga. Símbolos e figuras de uma realidade maior que a nossa compreensão.
Alegrem-se, pois. O Senhor está chegando não para condenar, mas para revogar a sentença que existe contra nós, para afugentar os inimigos, para tirar o medo e o desânimo. Alegrem-se porque Deus está contente e cheio de alegria por nossa causa. Ele é o guerreiro que salva, movido pelo amor. O Senhor está alegre conosco sem dúvida porque a nossa bondade está sendo conhecida de todos. Realmente, que beleza! É possível ver a bondade dos cristãos, ver e sentir, experimentar.
Não devemos nos preocupar com coisa alguma. Colocamos tudo nas mãos de Deus, rezamos, suplicamos e celebramos a Eucaristia. A paz de Deus guarda o nosso coração e a nossa mente em Cristo Jesus. São Paulo diz que essa paz ultrapassa todo entendimento. Ela é real e escapa à nossa compreensão. Quem a vive sabe do que o apóstolo está falando. Trata-se de uma experiência pessoal de Deus na própria vida que a torna alegre e cheia de bondade. A Carta a Tito dirá que se manifestou a bondade de Deus que nos salvou por sua misericórdia, e a Carta aos Filipenses pede que nossa bondade seja conhecida de todos. O vocabulário original não é idêntico, mas o significado, sim. Deus se mostrou muito gentil para conosco. Mostremo-nos também muito gentis para com os outros, para que a gentileza de Deus se torne conhecida de todos.
Caminhemos no Ano Santo da Misericórdia, guiados pelas mãos de São João Batista e dos profetas, rumo a Belém onde nasceu Jesus, rumo a Belém que está à nossa porta, rumo à manifestação gloriosa do Salvador. Preparemos o caminho do Senhor com atos concretos de sensibilidade e bondade. Examinemos o que nos sobra e consideremos o que aos outros falta. Considerando o que aos outros falta, despojemo-nos também do que precisamos. Quando a Carta a Tito pede que nossa bondade seja conhecida, pode-se entender também que a nossa “modéstia” seja conhecida.

Leituras e Salmos (14 a 19 de dezembro)
2ªf.: Nm 24,2-7.15-17a; Sl 24 (25); Mt 21,23-27.
3ªf.: Sf 3,1-2.9-13; Sl 33 (34); Mt 21,28-32.
4ªf.: Is 45, 6b-8.18.21b-25; Sl 84 (85); Lc 7,19-23.
5ªf.: Gn 49,2.8-10; Sl 71 (72); Mt 1,1-17.
6ªf.: Jr 23,5-8; Sl 71 (72); Mt 1,18-24.
Sáb.: Jz 13,2-7.24-25a; Sl 70 (71); Lc 1,5-25. 




Fonte: Edição 959,novembro de 2015
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

A presença nas redes
O isolamento social proporcionou maior interatividade no ambiente digital
Uma vida nova em Cristo
O Círio Pascal recorda que Cristo é a luz do mundo
Evangelização, sim!
Para Francisco, a evangelização não pode confundir-se com o clericalismo nem com o proselitismo.
O Anjo Bom do Brasil
Irmã Dulce,a religiosa que conquistou o coração do povo brasileiro será canonizada.
Mesa da Palavra
13º. Domingo do Tempo Comum - Ano C • 30 de junho de 2019 - Solenidade de São Pedro e São Paulo
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados