Revista Família Cristã - Edição de Julho de 2013

Data de publicação: 20/06/2013



Pode entrar que a casa é sua, Francisco

Em poucos minutos é possível lembrar o nome de pelo menos duas dezenas de argentinos notáveis nos mundos da política, ciência, artes e esporte. Se a essa constelação azul e branca faltava acrescentar algum líder religioso, agora não falta mais, uma vez que o Brasil terá, em julho, a oportunidade de conviver uma semana inteira com o portenho Jorge Mario Bergoglio, mais conhecido como papa Francisco. Que, afinal, é coisa nossa. Nada como, finalmente, ter em casa um papa das Américas, do Terceiro Mundo, da periferia do planeta.

Não há razão para Francisco, no Brasil, não se sentir entre seus compatriotas. Quando visitar, por exemplo, a comunidade de Varginha, em Manguinhos, no Rio de Janeiro (RJ), muito possivelmente ele se lembrará das vilas miséria que até outro dia frequentava na sua Buenos Aires – é assim que los hermanos chamam suas favelas. E, ao compará-las, ele não encontrará diferença. O sucessor de Pedro certamente se reconhecerá nos sons, cheiros e cores do povo.

Até mesmo a língua lhe soará familiar. Intérprete, afinal, para quê? Há sempre a tentação de uma traição substituir uma tradução. E, antes que outro assessor zeloso se apresse com um tapete vermelho para os pés de Sua Santidade não se sujarem na lama da pobreza, Francisco deverá lembrar-lhe: seus pés são apenas os de um caminhante portador de algumas boas novas e não de um rei. E fará questão de calcar seus pés nessa terra sulamericana que tão alegremente o recebeu. Ao ir embora, tomara que ninguém lembre de limpar seus sapatos, para que Francisco leve para Roma um pouco desse barro de onde,um dia, saiu toda a humanidade.

Revista Família Cristã - familiacrista@paulinas.com.br

Nesta edição


Entrevista
Fabiana e Diego se conheceram na JMJ em 2005, na Alemanha, e agora seguem para o Rio de Janeiro para agradecer a Deus pela família que formaram

JMJ
Peregrinos e voluntários se unem em torno de um mesmo sonho: fazer da JMJ 2013 um evento inesquecível para milhões de jovens do mundo inteiro
Juventude e fé
A JMJ nunca é vista como um fim, mas como meio de fortalecer os líderes missionários
Dinâmica familiar
Ela chega devagarinho, mas com força de fazer da vida uma contínua noite escura ou aparentar como pássaro ferido e sem ninho, e essas noites devoram sonhos, maltratam a mente, o coração, os sentimentos...
  Jovens conectados
Na JMJ, Tenda reúne organizações para promover a luta pela vida da juventude
  Família
Ultrapassado para uns, defendido por outros, o Sacramento do Matrimônio vivido por casais de diferentes épocas continua atual: o compromisso para sempre
  Comportamento
Ao ser rejeitado, ninguém precisa se sentir tão desprezível a ponto de se achar o último dos mortais ou, pior, achar que vai mudar, à força, a opinião dos outros
  Filhos
As crianças precisam de limites, os pais não devem ter medo de que elas vão deixar de amá-los por causa da imposição de limites, crianças percebem o limite como uma forma de cuidado, de amor
 


Painel do leitor
Homenageados do mês de Julho



  Alimentação
Grão-de-bico, leguminosa rica em proteínas, ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diminui o colesterol ruim e eleva o bom, produz serotonina, responsável pela sensação de bem-estar, satisfação e confiança
  Bioética
Os valores originam-se sempre no nível pessoal e acabam objetivando-se numa sociedade
 
Saúde
Garantir um bom hábito de higiene, ensinar uma criança a lavar as mãos, desde cedo, é um investimento na saúde pública e uma media de higiene para todos
  Testemunho
João XXIII, o Papa Bom, viveu a mansidão em cada palavra e gesto todos os dias, serenamente ensinou a dar valor aos sinais dos tempos e ouvir o mundo e as pessoas, cristãs ou não
   Paz inquieta
O dízimo educa. Feliz a paróquia que o administra com seriedade
  Encarte Ano da Fé (6)
Um catecismo
  O evangelho na comunidade
"Todas as gerações me chamarão bem-aventurado. O Todo-Poderoso fez grandes coisas em meu favor"

 
Formação litúrgica

O sentido do banquete eurcarístico é, antes de tudo, memória do mistério de convocação comunitária que Deus  realizou em Cristo

  Sete pecados
Avareza
O apego exacerbado às riquezas pode causar risadas, mas também desperta reflexão
Cáritas
Construídas pelo povo através do cotidiano, políticas de convivência com o semiárido favorecem moradores do sertão baiano, e trazem identidade e saberes
Igreja
Paróquia no interior de São Paulo vive experiência das primeiras comunidades cristãs e retoma o sentido bíblico do dízimo e da partilha
Internacional
É necessário incorporar novos países às negociações de paz, além dos cinco membros do conselho de segurança da ONU e dos países vizinhos. O Brasil deve estar atento para contribuir com a paz na Síria

Reportagem

No Rio Grande do Sul, povos indígenas da etnia Guarani M'bya vivem às margens de rodovias. E da Justiça

Sociedade

Se a preocupação com a beleza do corpo pode ajudar a termos mais saúde, também pode causar problemas se for exagerada. Em outras situações, no entanto, pode até nos ajudar a amar mais a vida
Panorama
A Cidade Maravilhosa, ou melhor, Rio de Janeiro, recebe a JMJ de braços abertos, com uma programação cultural, religiosa e bem variada
Cultura
Há 68 anos, nordestinos fazem da Feira de São Cristóvão um ponto de encontro e mantêm vivas a cultura e a arte que várias gerações de migrantes levaram para o Rio de Janeiro

Crônica

Carta aberta a um amigo que não envelheceu

Culinária
A hora do grão-de-bico
Trabalhos manuais
Uma sugestão de embalagem criativa






   







Fonte: Família Cristã 931 - Jul/2013
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

A infertilidade no casamento
A infertilidade atinge oito milhões de pessoas no Brasil e cerca de setenta milhões no mundo.
Medo do doutor?
Como ajudar as crianças a superarem o receio de consultas médicas e odontológicas.
Navegue com segurança
Viver no ambiente digital abre novos horizontes e possibilidades, mas requer cuidados
O melhor alimento para o bebê
O aleitamento materno é uma unanimidade mundial. Todos os profissionais de saúde reconhecem
Hora do pesadelo
Pesadelos são ruins em qualquer idade, mas os pais ficam mais angustiados quando são seus filhos.
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados