Um chamado que faz chamar!

Data de publicação: 25/02/2019

Por,  Pe. Reginaldo carreira



“Segue-me!” É o chamado de Jesus para os apóstolos e discípulos, nas mais diferentes ocasiões, narradas no texto bíblico. E este imperativo também continua sendo o chamado de Jesus, no decorrer da História, a tantos homens e mulheres que se sentem atraídos pelo seu amor! Para quem tem fé, este chamado funciona como uma direção de vida, um sentido da existência que ultrapassa o entendimento humano e faz questionar nosso merecimento, ao mesmo tempo que leva a compreender que Deus nos quer participantes de sua obra. E por quê? Para nos salvar! Salvar primeiro o que foi chamado, e depois, só então, salvar aqueles a quem o chamado nos levar!
Tudo começa com um chamado, difícil de explicar até mesmo para quem crê, visto ser uma experiência pessoal e única, que vai acontecendo numa história específica, porém das formas mais diversas. Uma afinidade com as coisas da Igreja, um sentimento de pertença, uma vontade de fazer algo mais do que a simples participação comum de quem vai à Missa nos fins de semana, o que já é muito importante e especial. Um chamado que muitas vezes é questionado e rejeitado por um bom tempo, até que se percebe como o profeta Jeremias, que é uma luta desigual (cf. Jr 20,7), e que, embora Deus nos dê toda a liberdade de escolha, vale a pena escolher o que Ele sugere e ouvir a sua voz!
“Segue-me!”, não é apenas o chamado do sacerdote ou do religioso ou religiosa...! É o chamado do catequista, do membro da Pastoral da Saúde ou da Liturgia. É a voz interior ouvida e sentida, que nos leva a uma resposta concreta e feliz! “Eis-me aqui!”, respondeu Maria ao seu chamado (Lc 1,38); “Te seguirei por onde fores!” (cf. Mt 26,35), respondeu Pedro, sem entender ao certo o que estava dizendo! Mas todos foram aos poucos dizendo sim!

A graça de Deus – Muitas vezes este chamado acontece a partir de uma voz concreta e próxima, de alguém que nos convida para um serviço na vida da Igreja e em nome da Igreja. Por isso digo que o chamado faz chamar! Na verdade, o sim de Maria, o sim de Pedro e Paulo, o sim de cada apóstolo, a resposta positiva de cada discípulo, foi acontecendo como uma corrente elétrica que encontra um outro fio condutor e segue seu caminho. E aquele que experimentou o valor e a alegria do chamado chama outros que estão buscando se encontrar e encontrar a Deus, pois não pode guardar para si um amor tão grande, muito menos deixar estagnada uma graça que é atuante e não estática, e que se potencializa cada vez que é partilhada, porque é essencialmente amor!
E, assim, os primeiros chamados de Jesus se tornaram o chamado de seus discípulos a outros irmãos e irmãs, e chegaram a Agostinho, a Francisco, à Clara, à Teresinha, a Tiago Alberione, a São João Paulo II, e a tantos outros que potencializaram o chamado! Hoje este chamado chega a mim e a você, e com toda certeza não ficará parado em nós! Primeiro porque não depende única e exclusivamente de nós, depois porque este chamado nos impulsionará a fazer algo, a dizer algo, a defender o que cremos que nos deu um sentido à vida.
Não dá mesmo para explicar um chamado de fé! Mas dá para partilhá-lo, conduzi-lo a outros, testemunhá-lo ao mundo! E a graça de Deus fará o resto, afinal foi nela que o chamado teve sua origem!





Fonte: Revista Família Cristã, edição 992, agosto de 2018
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

Carga pesada
Mais de 24 milhões de famílias brasileiras são lideradas por mulheres.
Rede da Fraternidade
Políticas públicas são tudo aquilo que o Governo faz para concretizar direitos
Saúde e Igreja
Discípulos Missionários no Mundo da Saúde: Guia para a Pastoral da Saúde na América Latina e Caribe
Limites, é preciso
É importante e urgente em buscarmos informações relevantes a cerca do desenvolvimento do cérebro
A internet que mata
O que é íntimo e o que é social se confundiram muito com o império do compartilhamento na internet
Início Anterior 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados