Evangelho na comunidade

Data de publicação: 13/06/2013

11º Domingo do Tempo Comum

2Sm 12,7-10.13; Sl (31) 32; Gl 2,16.19-21; Lc 7,36–8,3

Cônego Celso Pedro da Silva*
Arte: Sergio Ricciuto Conte

Aquela que não foi convidada – É interessante observar o jeito de Jesus, como Ele vive, como Ele se comporta. Mas seus gestos não são apenas interessantes. São reveladores da verdade de Deus. As palavras que acompanham os gestos se tornam para nós um verdadeiro caminho para a vida, vida em Deus entre os seres humanos. Jesus foi convidado para uma refeição na casa de um fariseu chamado Simão. Durante a refeição, aparece uma mulher que não tinha sido convidada nem tinha boa fama na cidade. Jesus se relaciona tranquilamente com essa mulher, sem medo, sem nervosismo, Ele a acolhe de modo afável. Jesus a trata com respeito, sem receio do que pudessem pensar e dizer os que lá estavam. O mesmo não acontece com Simão, o dono da casa. Ele sabe quem é a mulher, mas não diz nada. Não revela que a conhece. Apenas pensa, e pensa mal de Jesus. Jesus tira a mulher do anonimato. Simão a mantém oculta. Ela é interessante para Simão, desde que não apareça. Jesus ao contrário, a tira do canto obscuro e a coloca no centro do convívio humano. Jesus é sadio, equilibrado, perfeitamente humano, por isso sabe se relacionar. Ele não vê o pecado da mulher. Vê a força do amor que a impulsiona. “As águas da torrente jamais poderão apagar o amor” (Ct 8,7). É o amor prático e operoso, que supera a multidão dos pecados. É claro que Jesus não aprova o pecado, mas Ele sabe salvar o pecador do domínio do pecado.

As vítimas do poder – Davi era rei e abusou do poder que tinha. Ele se encantou com Betsabéia, mulher do general Urias. O resultado desse encanto foi uma gravidez não desejada e o assassinato do general, marido de Betsabéia. O pecado de Davi não foi de castidade ou adultério. Foi antes de tudo um abuso de poder que vitimou o marido, a mulher e a criança que nasceu. O texto fala da morte dessa criança, que seria um filho bastardo. Davi se casa depois com Betsabéia e então nascerá um filho legítimo, que será o rei Salomão. Betsabéia é a pecadora nessa história toda ou vítima de um poder de dominação? Ela foi bem tratada pelo rei Davi, que se arrependeu do que fez e compôs o Salmo 50 (51) implorando a piedade de Deus.

Justificados pela fé em Cristo – A Lei de Deus é clara, os Dez Mandamentos estão aí para nos orientar, há muitas normas e preceitos que observamos ou não. Tudo isso é expressão da nossa vontade de obedecer a Deus. Quem nos salva, porém, é o próprio Deus, e Ele nos salva de graça. Não conseguimos observar exatamente todos os Mandamentos, por isso precisamos da graça de Deus, de sua misericórdia e compreensão. Jesus entregou a sua vida para nos libertar do domínio do pecado. A imperfeição é nosso estado normal, e somos perfeitos como o Pai quando, como Ele, somos misericordiosos. Num mundo de pecadores, Jesus pede que sejamos solidários no amor.

Nossa vida hoje – Para não reforçar o mundo do pecado, queremos ser como Jesus, amigos dos pecadores. É necessário compreender a fraqueza e, ao mesmo tempo, combater o mal organizado. O profeta Natã advertiu o rei Davi, que abusou de seu poder, enquanto Jesus se mostrou muito próximo da mulher fraca, que muito amava. Matar o pecado e dar vida ao pecador.

*Sacerdote e professor de Sagrada Escritura




Fonte: Família Cristã 929 - Mai/2013
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

Doenças autoimunes
Quando nosso sistema imunológico se desequilibra, entram em cena as doenças autoimunes
Você cuida bem da sua audição?
A saúde da nossa audição é também questão de bem-estar
Sinusite ou rinite?
Tanto a sinusite como a rinite são inflamações que afetam as mesmas regiões do corpo.
SAÚDE
A biotecnologia é uma ferramenta e, como tal, deve ser cuidadosamente examinada.
Curar com as mãos
Levar em consideração o corpo inteiro e tratar diretamente a causa do problema são as principais
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados