Ritual no Batismo

Data de publicação: 03/12/2014

Frei Luiz S. Turra, ofm cap. *

Pais, padrinhos e presidente da celebração caminham até a pia batismal com o batizando, para a bênção da água, renovar as promessas do Batismo e, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, o Batismo acontecer.

O Ritual do Batismo é resultado de uma sensibilidade pastoral e litúrgica, que expressa muito bem o desejo da Igreja de integrar e formar discípulos missionários, conscientes de sua vocação e missão. É uma proposta ideal, com fundamentos sólidos na teologia, na liturgia e também na dinâmica da comunicação. É evidente que o ideal proposto aplica-se com modos diferenciados ao real das comunidades. Entramos neste capítulo à terceira parte do Rito Batismal: A Liturgia Eucarística com suas diversas partes. Não nos deteremos na explicação dos símbolos, porque será assunto da próxima edição da revista.

Procissão para o batistério − Conforme a logística do espaço litúrgico, onde é possível, após a Liturgia da Palavra, faz-se uma procissão para o batistério. Pode-se cantar um salmo apropriado, ou até a ladainha dos santos, caso não se tenha rezado anteriormente.

Bênção da água − O Batismo é uma Liturgia da Água e do Espírito. Antes da bênção é importante dialogar com os pais e padrinhos sobre o significado da água e solenizar sua apresentação para a bênção. Seis momentos celebram a lembrança da obra de Deus:
-Lembrança da água da criação. “Na origem do mundo, vosso Espírito pairava sobre as águas para que elas concebessem a força de santificar.” É o Espírito que confere vida nova e plena ao batizando.
-Lembrança da água do dilúvio. Começa um novo viver “salvo na esperança”. É o juízo de Deus prefigurando a salvação em Cristo.
-Lembrança da água do mar Vermelho. O povo liberto pela passagem do mar é imagem do povo dos batizados. Suas águas são sinais de morte e vida. Até aqui se faz memória do Antigo Testamento.
-Lembrança da água do Jordão. “Nas águas do Jordão, solidário com os pobres e pecadores, Jesus se fez batizar por João Batista.” O Espírito que pairava sobre as águas da primeira criação santifica e habilita Jesus para a nova obra profética e messiânica.
-Lembrança da água do lado de Cristo traspassado na cruz. “Se alguém tem sede, venha a mim e beba” (Jo 7,37-38). Pelo Batismo, entramos no mistério da morte e ressurreição de Cristo.
-Lembrança da água do Batismo.  Em Mateus 28,19, após a ressurreição, Cristo envia os seus para o anúncio do Evangelho e a incorporação na Igreja através do Batismo: “Vão e ensinem todas as nações, batizando-as em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo”.

Promessas do Batismo − Ser Cristão é tornar-se Cristão num processo de conversão, isto é, de adequação ao Evangelho. Para traduzir em promessas, o ritual apresenta uma tríplice renúncia e uma tríplice profissão de fé. O Batismo nos pede para dizer não ao pecado e ao demônio, e para afirmar o sim, crendo em Deus Pai, Filho e Espírito Santo, e na Igreja. Pais e padrinhos proclamam a fé da Igreja, na qual são batizadas as crianças.

Banho batismal − Pais e padrinhos se aproximam da água batismal, citam o nome e, quem preside, batiza a criança na água e no Espírito Santo, dizendo: “Eu te batizo em nome do Pai/ e do Filho/ e do Espírito Santo”. A cada invocação, quem preside derrama a água ou mergulha o batizando. Estas são, propriamente, as palavras que conferem o sacramento do Batismo.

Ritos complementares
• A unção com o óleo do santo Crisma sinaliza a incorporação ao povo de Deus, unido a Cristo sacerdote, profeta e rei.
• Veste batismal, veste nova. O batizado reveste-se de Cristo para viver a dignidade de filho e filha de Deus.
• Rito da luz. Acender a vela no Círio Pascal é confirmar que somos filhos da luz e temos a missão de ser luz do mundo.
•Pai Nosso. Nesta hora, torna-se a oração que proclama e acolhe os novos membros da família de Deus.
• Bênção à mãe, ao pai, aos padrinhos e à assembleia.

* Frei Luiz S. Turra pertence à Ordem dos Frades Menores Capuchinhos.


Perguntas

a) Quais são os ritos que compõem a liturgia sacramental do Batismo?
b) Quais são as palavras, o símbolo e o gesto ritual que estão no coração da celebração batismal?
c) Como se pode valorizar os ritos complementares para serem bem vividos?




Fonte: Família Cristã 914 - Fev/2012
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

Doenças autoimunes
Quando nosso sistema imunológico se desequilibra, entram em cena as doenças autoimunes
Você cuida bem da sua audição?
A saúde da nossa audição é também questão de bem-estar
Sinusite ou rinite?
Tanto a sinusite como a rinite são inflamações que afetam as mesmas regiões do corpo.
SAÚDE
A biotecnologia é uma ferramenta e, como tal, deve ser cuidadosamente examinada.
Curar com as mãos
Levar em consideração o corpo inteiro e tratar diretamente a causa do problema são as principais
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados