Evangelho de domingo

Data de publicação: 09/01/2015

Ano B – 11 de janeiro de 2015

Batismo do Senhor


Reflexão: Cônego Celso Pedro da Silva - celsopedro@uol.com.br
Arte: Sergio Ricciuto Conte - www.sergioricciutoconte.com.br


Is 55,1-11 – Procurai o Senhor enquanto é possível.
Cânt.: Is 12,2-6 – O Senhor é minha força.
1Jo 5,1-9 – Quem crê que Jesus é o Cristo foi gerado de Deus.
Mc 1,7-11 –
“Tu és o meu Filho amado”.


Celebrando o Batismo de Jesus, encerramos as festas do tempo litúrgico do Natal, tempo de luz e de revelação, de manifestação da bondade de Deus e de seu amor para com todas as suas criaturas. O próprio Deus veio habitar entre nós como uma criança frágil, que nasce no seio de uma família simples e tranquila na periferia de uma grande cidade. Ele nos dá sua Mãe como Mãe de todos e se manifesta a seu próprio povo nos pastores de Belém e a todas as nações nos Reis do Oriente. O Menino cresceu em sabedoria, em estatura e em graça diante de Deus e dos homens. Eis que, passados aproximadamente 30 anos, o Menino, agora adulto, se apresenta a João, que batizava no Rio Jordão.

João era um profeta, preocupado com a sorte de seu povo. Via a realização das profecias, os últimos tempos se aproximando, o povo sendo julgado no Dia de Ira do Senhor, e se preocupava. A conversão se fazia necessária, e ele batizava o povo que confessava os seus pecados. Fez discípulos que o seguiram com entusiasmo e dele muito aprenderam. E, como ele, batizavam e pregavam. E Jesus, até agora, quem era, onde estava, o que fazia? Jesus vivia, assim dizemos, sua vida oculta em Nazaré. Era um cidadão como todos os outros, santificando a vida de cada dia sem nada de extraordinário. Passaram-se 30 anos, de repente, ele aparece para ser batizado por João. Aparentemente é mais um entre muitos. Aparentemente mais um impressionado por João e que quer conhecê-lo de perto. João falava de alguém que viria depois dele, mais forte do que ele, que batizaria no Espírito Santo. Seria Jesus que lá estava e naquele momento decidiu sair do anonimato?

João batiza, Jesus aparece e, numa terceira cena, os céus se abrem. Jesus tem uma experiência interior. Dizemos que foi uma teofania, isto é, uma manifestação de Deus. É difícil entender tudo o que acontece com Jesus por ser ele Deus e ao mesmo tempo homem, sem mistura de naturezas. O homem é homem e Deus é Deus na mesma pessoa de Jesus Cristo. O homem é batizado e sai da água como fazem todos, e, ao sair da água, sente alguma coisa por dentro e tem uma visão que só ele vê. Vê o céu se abrir, vê o Espírito Santo descer sobre ele como uma pomba, e ouve uma voz: “Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo”. Algo novo está acontecendo aqui. A voz se dirige a Jesus e não a João. Jesus é o Filho amado: “Tu és”. Sabemos que Jesus é Deus desde o momento da concepção, mas é agora que algo acontece no interior do homem Jesus. Ele é o Filho amado. É o ponto de partida de sua vida pública. O Jesus oculto se manifesta. Participa do batismo de João, como um judeu entusiasmado pela causa de seu povo e sai transformado, não pela água do batismo de João e sim pela voz do Pai que lhe envia o Espírito. João batizava quem precisava do seu batismo, batizou Jesus que não precisava daquele batismo. Outro será o batismo que Jesus dará aos cristãos.

João batizava para a remissão dos pecados pessoas decididas interiormente a uma conversão. Do cristão batizado se tem a mesma exigência, agora em virtude da profissão de fé que reconhece Jesus como o Senhor. Creio que Jesus é o Cristo, entro nas águas por ele santificadas quando nelas entrou, e saio possuído pelo Espírito.


Leituras e Salmos (12 a 17 de JANEIRO)
2ªf.: Hb 1,1-6; Sl 96 (97); Mc 1,14-20.
3ªf.: Hb 2,5-12; Sl 8; Mc 1,21b-28.
4ªf.: Hb 2,14-18; Sl 104 (105); Mc 1,29-39.
5ªf.: Hb 3,7-14; Sl 94 (95); Mc 1,40-45.
6ªf.: Hb 4,1-5.11; Sl 77 (78); Mc 2,1-12.
Sáb.: Hb 4,12-16; Sl 18 (19); Mc 2,13-17.




Fonte: familia cristã
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

Doença celíaca
Doença do intestino delgado, autoimune, crônica, causada por uma reação ao glúten
TOD à luz da escuta de Baco
Transtorno Opositivo Desafiador, conheça esta doença
Doenças autoimunes
Quando nosso sistema imunológico se desequilibra, entram em cena as doenças autoimunes
Você cuida bem da sua audição?
A saúde da nossa audição é também questão de bem-estar
Sinusite ou rinite?
Tanto a sinusite como a rinite são inflamações que afetam as mesmas regiões do corpo.
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados