Liturgia da Palavra

Data de publicação: 28/12/2018

Sagrada Família
Ano C 30 de dezembro de 2018



1Sm 1,20-22.24-28 – O Senhor ouviu a milha súplica.
Sl 83 (84) – Quão amável, ó Senhor, é vossa casa.
1Jo 3,1-2.21-24 – Somos filhos e filhas de Deus.
Lc 2,41-52 – Jesus crescia em sabedoria, estatura e graça.

Maria, José e Jesus

 1. Jesus, sendo Deus, poderia se encarnar da maneira que quisesse, mas escolheu ser em tudo semelhante a nós, menos no pecado. Decidiu ser verdadeiro homem e experimentar de forma sensível tudo o que nós experimentamos em nossa vida diária. Assim, por obra do Espírito Santo, ele foi gerado no seio de uma mulher, foi dado à luz, desenvolveu-se como criança, adolescente, jovem e adulto sob os cuidados de seus pais, Maria e José. Esta é a festa da Sagrada Família.
2. Ana, esposa de Elcana, não tinha filhos. Foi à Casa do Senhor, rezou muito e Deus lhe concedeu um filho. Ela sofreu muito antes que o menino nascesse, mas valeu a pena esperar pela hora de Deus. O menino recebeu o nome de Samuel, foi consagrado a Deus e se tornou o grande e último Juiz de Israel. Deus conversou muitas vezes com ele.
3. São João medita em sua primeira carta o grande presente de amor que Deus nos deu. Somos seus filhos. Seu Filho natural e único é Jesus Cristo, que tem a mesma natureza que o Pai. Ele, sendo Filho, se fez um de nós, se tornou nosso irmão e nos salvou. Agora podemos também nós chamar a Deus de Pai. São João escreve: “Somos chamados filhos de Deus. E nós o somos”. Ainda não sabemos tudo o que significa ser filho de Deus, mas já o somos. Quando Jesus se manifestar na vinda final, veremos que somos semelhantes a Ele. Uma vez que somos membros de sua família, Ele espera que nos amemos uns aos outros. Ele disse uma vez que sua mãe e seus irmãos são todos aqueles que fazem a vontade do Pai.
4. São Lucas nos coloca diante de Jesus homem e Jesus Deus. Ele é uma só e mesma pessoa com duas naturezas, a natureza divina e a natureza humana. Não são duas pessoas nem uma só pessoa com uma natureza. Ele não é só Deus com aparência humana. Também não é só homem adotado por Deus Pai. Ele é o Verbo de Deus encarnado, aquele que existia desde o princípio, era Deus e estava em Deus, e se fez homem e veio habitar entre nós. São José, o homem justo encarregado de cuidar dessa família sagrada, é tratado como verdadeiro pai do Menino Jesus, embora fosse apenas pai adotivo. Maria se refere a José como pai do Menino. Jesus, por sua vez, se refere a Deus como seu Pai. Ele deve se ocupar das coisas de seu Pai.
5. Nossa revista se chama “Família Cristã”. Ela procura dar subsídios às famílias para que vivam em paz e harmonia, iluminadas pela Face do Senhor. A Pastoral Familiar é sem dúvida um trabalho apostólico de grande importância. A família é a célula da sociedade e da Igreja. Ela não é sem problemas porque é feita de seres humanos limitados. Sabemos, porém, como o nosso desenvolvimento pessoal e social depende de nossa família, do ambiente positivo do lar, da harmonia dos relacionamentos. Na família estão as nossas relações naturais e devemos sentir-nos bem quando voltamos para casa, alegres por estarmos juntos, apoiando-nos mutuamente nas horas difíceis.
6. “Felizes os que habitam vossa casa, para sempre haverão de vos louvar”, cantamos com o salmista. Ele fala do Templo. Nós pensamos na casa da família de Deus e na Igreja doméstica, que é a nossa família, e pedimos por ela. Que todos possamos dizer de nossa casa o que diz o salmista da casa do Senhor: “Quão amável, ó Senhor, é vossa casa.

Leituras e Salmos (31 de dezembro a 5 de janeiro)
2ªf.: 1Jo 2,18-21; Sl 95 (96); Jo 1,1-18.
3ªf.: Nm 6,22-27; Sl 66 (67); Gl 4,4-7; Lc 2,16-21.
4ªf.: 1Jo 2,22-28; Sl 97 (98); Jo 1,19-28.
5ªf.: 1Jo 2,29-3,6; Sl 97 (98); Jo 1,29-34.
6ªf.: 1Jo 3,7-10; Sl 97 (98); Jo 1,35-42.
Sáb.: 1Jo 3,11-21; Sl 99 (100); Jo 1,43-51




Fonte: Edição 995, Novembro de 2018 Postado por: Família Cristã
Postado por: Família Cristã




Comentários


Comente





Compartilhe este conteúdo:


Veja Também

O Anjo Bom do Brasil
Irmã Dulce,a religiosa que conquistou o coração do povo brasileiro será canonizada.
Mesa da Palavra
13º. Domingo do Tempo Comum - Ano C • 30 de junho de 2019 - Solenidade de São Pedro e São Paulo
Mesa da Palavra
A fé cristã professada pela Igreja Católica é de tal forma complicada, que só pode ser verdadeira.
Mesa da Palavra
Solenidade de Pentecostes.Quando ele vier, conduzirá os discípulos à plena verdade.
Mesa da Palavra
A refeição e a pesca são dois acontecimentos unidos na mesma narrativa
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final

Termos mais pesquisados

Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados