BUSCA

A arte como porta-voz da natureza em agonia

Data de publicação: 28/08/2006

imprimir

Trailer



"Vou para a floresta e me sinto tão queimado quanto as árvores"

Não precisa ser um expert em artes plásticas para entender o recado de Franz Krajcberg, incansável em sua luta de fazer o homem despertar para as atrocidades que vem fazendo com a natureza.

Suas obras, sejam fotografias ou quadros-objeto (montagem de pedras e/ou outros materiais), calam fundo na alma e nos fazem ouvir com os olhos o pedido da natureza: "Você que gosta tanto de mim, por que não me defende?"

Frans Krajcberg - a obra que não queremos ver, co-autoria de Renata Sant'Anna e Valquíria Prates, é um livro sensível, profundo. Traz a vida e a produção artística desse grande expoente da Arte Contemporânea Brasileira.

Polonês de nascimento, mas naturalizado brasileiro em 1957, Krajcberg é um artista que passou por várias fases, mas sempre retratando a natureza, sobretudo sua implacável destruição pela mão do homem. Mora em Viçosa, Bahia, em uma casa construída numa árvore, também seu estúdio. E mantém outro ateliê em Paris, França.

Este é o segundo livro de Arte à primeira vista (o primeiro foi Lygia Clark - Linhas Vivas), uma coleção que objetiva apresentar as obras e o processo criativo de artistas, consagrados ou não, a crianças e adolescentes, incentivando o diálogo com a arte e a cultura. O desafio é ajudar a despertar na criança o interesse pela produção artística atual, de forma que compreenda mais facilmente o pensamento e as manifestações culturais da sociedade contemporânea.

Além de projeto arrojado, os livros da coleção trazem um Caderno-ateliê, que possibilita ao leitor produzir alguns trabalhos artísticos, primeiro, seguindo os passos do artista em destaque e, depois, criando a própria arte.

Neste segundo livro, a proposta é mais ambiciosa ainda: com o exemplo desse brasileiro por opção, esta obra quer sensibilizar nossos homens do amanhã a fazerem o que nós adultos estamos ignorando hoje: o respeito pela natureza, que nos dá a vida.

Título: Frans Krajcberg: a obra que não queremos ver
Autoras: Renata Sant'Anna e Valquíria Prates
Coleção: Arte à primeira vista
Formato: 21,0 x 21,0
Páginas: 56
Preço: R$ 31,00
Código: 50977-9
ISBN: 85-356-1778-7

Sala de Imprensa
Paulinas Editora
Malu Delmira, Irmã Sofia e J. Fátima Gonçalves
11-5081-9333
imprensa@paulinas.org.br
www.paulinas.org.br/sala_imprensa


Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

A importância da Carta aos Romanos na história da teologia cristã.
Um grupo de especialistas espanhóis da área da Sagrada Escritura apresenta estudos sobre os principais temas tratados nessa Carta.

O papel do lápis no espetáculo da vida
Amigo muitas vezes inseparável das crianças, ajudando-as a expressar sentimentos como alegria, tristeza, frustrações e desejos, o lápis é o centro das atenções neste mais novo livro de Elias José, poeta e contador de histórias.

O encanto das fábulas para crianças de qualquer época
A arte de contar histórias sempre acompanhou a vida do homem. No passado mais remoto, quando o livro ainda não existia ou era pouco difundido, as fábulas eram contadas de pais para filhos. Para dar continuidade à transmissão de conhecimento de geração em

Ser criança é um estado de espírito e também de inteligência.
Com mais de 40 livros publicados, tendo recebido vários prêmios no Brasil e no exterior, Cláudio Martins provoca e desafia seus leitores ao apresentar formas alternativas de ser e de viver na sociedade contemporânea.

Doutrina Social da Igreja reivindica a união entre ética e política
Após cinco anos de reflexão, estudo e trabalho intelectual intenso, a Igreja Católica oferece "Compêndio da Doutrina Social da Igreja", elaborado pelo Pontifício Conselho Justiça e Paz.

Início Anterior 166 167 168 169 170 171 172 173 174 175 176 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados