BUSCA

PAULINAS: 107 ANOS DE EVANGELIZAÇÃO NO MUNDO

Data de publicação: 14/06/2022

imprimir

Trailer




As Irmãs Paulinas estão em festa. E motivos não faltam para isso. Completam, neste 15 de junho, 107 anos de presença evangelizadora no mundo.


Por acreditar nos dons naturais femininos de simpatia, inteligência, liderança e carinho – essenciais para a missão evangelizadora –, o padre italiano Tiago Alberione percebeu o lugar da mulher na linha de frente da evangelização. Era início do século XX – 1915, cidade de Alba, Itália. Ao lado da irmã Tecla Merlo, Alberione fundou a Congregação das Irmãs Paulinas, com uma missão audaz e profética para os tempos de outrora e imprescindível nesta segunda década do século XXI: anunciar o Evangelho com a comunicação, característica fundamentalmente humanizadora, e com as sempre novas tecnologias da comunicação de ontem e de hoje a serviço da vida.


Com 107 anos de fundação, a Paulinas atua em 52 países, nos 5 continentes, com o desafio de viver e colocar em prática a intuição e os ideais de padre Tiago Alberione e irmã Tecla Merlo, que estavam sintonizados com a complexa realidade da comunicação global e colocaram essa forma de anúncio a serviço do Evangelho. O Brasil foi o primeiro país a receber as Irmãs Paulinas fora da Itália. Isso ocorreu em 1931.


Como forma concreta do anúncio com a comunicação, a Congregação tem a Paulinas Editora, o primeiro dos segmentos que integram a ampla missão da instituição no Brasil. Possui um catálogo com cerca de dois mil títulos de livros, sendo reconhecida tanto nos meios eclesial e acadêmico quanto na sociedade. Consolida a marca entre as maiores editoras do país, publicando obras divididas em dezoito linhas editoriais, entre elas psicologia educacional e familiar, autoajuda, sociologia e filosofia, além de documentos da Igreja, biografias, teologia, espiritualidade, estudos acadêmicos e literatura infantil e juvenil. Aliás, em literatura infantojuvenil, a editora tem recebido vários prêmios Jabuti e vem conseguindo inserir títulos entre os altamente recomendados pela FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil). Além disso, já possui 200 títulos em e-books e audiolivros: https://ebookspaulinas.com.br/.

Porém, 107 anos de presença no mundo e 90 anos no Brasil dizem às intrépidas Irmãs Paulinas que é preciso coragem para apostar em coisas novas, mesmo em momentos de crise (como na pandemia). Por isso, acreditando no potencial do leitor brasileiro, a Paulinas lançou, em agosto de 2020, um novo selo: Saberes e Letras. 

Mais do que uma ideia, o selo Saberes e Letras já é uma realidade, gerando conteúdo nas redes sociais e, agora, com nove livros físicos: “A caixa”, “O livro das palavras grandes e dos desenhos pequenos”, “Amar”, “O divino livro proibido”, “Cabelindo”, “Elizabel e o Sabiá”, “Se eu pudesse nascer de novo…”, “Vocês viram a minha mãe?” e “Nos olhos de quem vê”. O Saberes e Letras é múltiplo. Abrigará livros diversos ligados aos temas da cultura, educação, comportamento, enfim, um selo abrangente, para quem quer conteúdo inteligente (http://www.sabereseletras.com.br/).


O Grupo Paulinas também é referência em comunicação em outros segmentos: produções fonográficas, por meio da gravadora Paulinas-COMEP (https://www.paulinas.org.br/comep/); cursos presenciais e EAD nas áreas de Catequese, Bíblia e Comunicação, da Paulinas Cursos (https://paulinascursos.com/); e uma ampla presença na mundo digital e redes sociais: Paulinas Brasil, Paulinas Editora e Irmãs Paulinas.



Desenvolve, ainda, uma ação social iniciada há 20 anos: o Centro Social Irmã Tecla Merlo, que apoia o desenvolvimento pessoal e social de crianças e adolescentes e suas famílias. Localizado no bairro do Grajaú, que possui um dos maiores índices de vulnerabilidade da cidade de São Paulo, oferece programas educacionais e profissionalizantes, além de cursos de artesanato que permitem às famílias aumentar a renda do lar (https://www.paulinas.org.br/acao_social/).

E conta também com uma rede de livrarias situadas nas capitais do Brasil (https://www.paulinas.com.br/), nas quais o leitor pode encontrar as obras e propostas evangelizadoras da Paulinas: a comunicação a serviço da vida!


Irmãs Paulinas: 107 anos de missão no mundo e 90 anos no Brasil, neste 15 de junho de 2022, doando a vida para que o Evangelho possa “correr e chegar às pessoas”. 


Siga-nos nas redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, YouTube): @paulinasbrasil


Ei, jovem, venha você também fazer parte desta história! Venha ser uma missionária da Palavra. Entre em contato conosco através das redes sociais.


Siga-nos nas redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, YouTube, TikTok): @irmaspaulinas




Fonte: sala de imprensa
Postado por: Sala de Imprensa



Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Em um tempo em que convivemos com as perdas, livro mostra como renascer do luto
Livro fala sobre como lidarmos com o luto, principalmente de entes queridos. A autora perdeu o marido e teve que aprender a viver com a ausência e explicar a situação para a filha.

Bellinha, a ovelinha, chega à catequese com a música
A querida ovelhinha marca uma nova fase com conteúdos voltados para a catequese. Essa é a primeira música de trabalho do projeto “A Bíblia: uma mensagem de amor”.

Morre, vítima da Covid-19, o escritor indígena Ely Macuxi
Faleceu o escritor Ely Macuxi, defensor da educação indígena de qualidade e autor de Paulinas

Divina vontade: lançamento de Pe. Agnaldo José para iniciar 2021 nos desígnios do Pai
Com lançamento marcado para o dia 28/01 e clipe em 04/02, a canção foi inspirada em trechos bíblicos e na vida da Serva de Deus Luisa Piccarreta e teve participação do Ministério Excelsis.

Prepare-se para o novo tempo: Papa confirma o papel da mulher na Igreja oficializando o acesso das mulheres leigas ao serviço da Palavra e do altar.
O Papa oficializou o acesso de mulheres leigas ao serviço da Palavra e do Altar.

Início Anterior 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados