BUSCA

Religiosa brasileira, Irmã Helena Corazza, recebe prêmio ‘Comunicador da Paz’ durante 6º COMLAC

Data de publicação: 21/07/2022

imprimir

Trailer




Por Neudson Corrêa (CRB)

Ao final do 6° Congresso Latino-americano e caribenho de Comunicação, que aconteceu no Panamá nesta quinta-feira, 14 de julho, foi realizado o ato de premiação da distinção “Comunicador da Paz 2022”. 

A brasileira, religiosa das Paulinas, do Serviço à Pastoral da Comunicação (Sepac), Irmã Helena Corazza, foi uma das agraciadas com a premiação, entregue de forma on-line, pois ela não pode comparecer ao evento em decorrência de compromissos assumidos com o curso de especialização que ajuda a coordenar no Sepac. 

O prêmio é entregue a cada quatro anos, como uma homenagem que a Associação Católica Latino-americana e Caribenha de Comunicação, SIGNIS ALC, presta aos comunicadores que durante a sua trajetória comunicacional promovem uma cultura de paz e a construção de uma sociedade justiça e fraternidade.

Da mesma congregação religiosa, Irmã Joana Puntel parabenizou Ir. Helena. “Merecedora e muito bem escolhida para esse prêmio. Deus a abençoe”, completou.

Romério Silva e Weverton de Sousa, alunos do Curso de Especialização Comunicação, Teologia e Cultura: teórico-prático também parabenizaram pela conquista. 

Romério escreveu no grupo de alunos do Sepac. “O prêmio é o reconhecimento do trabalho feito em prol da Comunicação Evangelizadora”.

Weverton de Sousa, ao mesmo tempo em que parabeniza a Irmã Helena, faz votos de que a missão da religiosa permaneça tendo muito êxito e reconhecimento! 

A convocação ao Prêmio Comunicador da Paz 2022 recebeu 16 postulações de candidaturas, das quais 5 para a categoria In Memoriam (homemagem póstuma) e 11 para reconhecer a Trajetória em vida.

As candidaturas

Os membros da Direção Latino-americana de SIGNIS ALC analisaram as 16 candidaturas que foram provenientes do México, Panamá, Guatemala, República Dominicana, Cuba, Venezuela, Equador, Peru, Brasil, Chile e Paraguai.

Trajetória em vida 

Dr. Jorge Ortega Ibarra (México), Padre Oriel Concepción Martínez (Panamá), José Luis Nicolás Comesaña (Chile), Ladislao Mello Cabral (Paraguai), Padre José Luis Sáez (República Dominicana), Diego Martínez Moreno (Guatemala), Padre Pedro Pablo Aguilar (Venezuela), Ir. Helena Corazza (Brasil), César Sánchez (Peru), Madre Daniela Maccari (Equador), Dagoberto Valdés (Cuba).

In Memoriam

Ir. Matilde Amelong (Paraguai), Gustavo Andújar (Cuba), Padre Fernando Guardia Jaén (Panamá), Monseñor Gonzalo López Marañón (Equador), Gina Pevral (Cuba)

Prêmio Comunicador da Paz América Latina e El Caribe 2022

O Prêmio Comunicador da Paz é um reconhecimento que a Associação Católica Latino-americana e Caribenha de Comunicação, SIGNIS ALC, entrega a comunicadoras e comunicadores comprometidos com um trabalho que promova o exercício de uma cidadania plena, o desenvolvimento dos povos e contribua com a construção da paz no continente.

Esta distinção foi instituída ao final do 2° COMLAC, em Santo Domingo, República Dominicana, em janeiro de 2004.

O Prêmio

O reconhecimento a ser entregue consiste numa placa de madeira que conjuga simbolicamente elementos que remetem à construção da paz e ao exercício da comunicação, que faz parte da missão de SIGNIS ALC.

A placa artesanal, elaborada em madeira, foi concebida em coerência com o compromisso institucional de favorecer o cuidado com a Casa Comum, utilizando um recurso renovável, na medida que quer expressar, com esse gesto, um questionamento à exploração dos minerais metálicos, que ocasiona uma grave destruição da natureza.

Na placa é possível identificar três elementos, em baixo relevo: uma mão aberta numa expressão de quem quer alcançar a paz, esta simbolizada pela pomba, em cujas asas se pode apreciar referencias à diversidade cultural que caracteriza a nossa região. Também quer representar o ofício de escrever, que é fundamental no processo de comunicação, cuja tarefa se vê representada nas canetas da pomba. E, no fundo, se vê uma cruz, que é o maior símbolo da identidade e missão das e dos comunicadores católicos.

A placa, portanto, quer ser a portadora de gratidão e reconhecimento que expressa aos comunicadores que trabalham para contribuir à construção de uma sociedade de justiça e fraternidade.

A convocação e eleição dos ganhadores

SIGNIS ALC convidou a apresentação das candidaturas ao reconhecimento “Comunicadora(o) da Paz”, conjuntamente ao lançamento do 6º COMLAC. Uma vez que se encerrou o prazo para se inscrever as postulações, foram recebidas 16 inscrições: 11 na categoria Trajetória em vida e 5 para o reconhecimento In Memoriam.

Depois de uma complexa e cuidadosa tarefa de revisar as fundamentações que acompanharam a inscrição de cada candidatura, a Direção de SIGNIS ALC decidiu outorgar a distinção Comunicador da Paz aos comunicadores que deram testemunho de compromisso ao promover o exercício de uma cidadania plena, o fortalecimento da democracia participativa e a construção da paz no continente, cujos nomes foram conhecidos no ato de entrega do Prêmio Comunicador da Paz 2022, dia 14 de julho, às 18h, hora local.

Nota da CRB Nacional

A CRB Nacional, que também conta com a colaboração de Irmã Helena Corazza,fsp, em especial, no Setor Comunicação, na Ciranda da Comunicação e no Observatório de Comunicação (OCR), se alegra e se congratula com esta premiação, em especial com o testemunho de Irmã Helena na “comunicação da paz”.



Fonte: CRB
Postado por: Sala de Imprensa



Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Inspirados no livro "Cartas aos povos distantes", alunos de Sarandi (PR) escrevem cartas aos refugiados ucranianos
Alunos de uma escola municipal de Sarandi, no Paraná, inspirados pelo livro "Cartas aos povos distantes", escrevem cartas para os refugiados ucranianos na Polônia

Autor do livro Elizabel e o Sabiá, do selo Saberes e Letras, é destaque da imprensa em Joinville
O escritor Jura Arruda, autor do livro Elizabel e o sabiá, lançado pelo selo Saberes e Letras, foi destaque do site Notícias do Dia, de Joivinlle, Santa Catarina, cidade onde vive o autor.

Autor de Paulinas é destaque no Vatican News
Amaro França, autor de Paulinas, foi destaque no site Vatican News com uma matéria sobre a Campanha da Fraternidade de 2022.

Destaque para a notícia do falecimento de Dom Pedro Casaldáliga
Destaque sobre a morte de Dom Pedro Casaldálica no site Jornal do Bairro Alto, do Paraná.

Livro sobre a pandemia é destaque np site "Aqui tem diversão"
Destaque da matéria de lançamento do livro A Pandemia do coronavírus no site Aqui tem diversão

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados