BUSCA

Centro Social Irmã Tecla Merlo: há 30 anos semeando esperança na vida das pessoas

Data de publicação: 27/10/2022

imprimir

Trailer




Live comemora os 30 anos de fundação de um centro social que busca o desenvolvimento integral de famílias em uma das regiões mais carentes de São Paulo

 

Neste momento de pós-pandemia, parece-nos mais urgente a missão de ajudar pessoas, socorrer famílias fragilizadas nos âmbitos econômico e psicológico. Isso ressalta ainda mais a importância de entidades como o Centro Social Irmã Tecla Merlo, criado há exatos 30 anos (em 1992) pelas Irmãs Paulinas, para oferecer suporte na formação humana para famílias inteiras na região do Grajaú, na capital paulista, um local com um dos IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) mais baixos do Brasil.

Desde o início, optou-se por oferecer o desenvolvimento integral aos atendidos, em todas as faixas etárias, ou seja, para crianças, adolescentes, pais e avós. Por desenvolvimento integral, entenda-se oferecer cursos profissionalizantes, acesso ao esporte, às artes, apoio psicológico, reforço escolar e alimentação de qualidade nos períodos em que os atendimentos permanecem no Centro.

Desde o início, o projeto tem à frente a irmã Carmita Santana, fsp, que, nesses 30 anos, tornou-se uma personagem querida por famílias inteiras que passaram pelo Centro. A irmã guarda recordações dos obstáculos enfrentados e da vitória de ter dado esperança e futuro para tanta gente através da ação social das Irmãs Paulinas: “Começamos em uma salinha e, hoje, temos um espaço amplo, que oferece suporte para que famílias inteiras se desenvolvam. É um trabalho constante e precisamos de apoio para dar continuidade a ele”.

A festa – Os 30 anos do Centro Social Irmã Tecla Merlo foram comemorados no dia 26 de outubro (dia da fundação da entidade), com duas lives transmitidas nas redes sociais do Centro, com a apresentação de alunos dos cursos oferecidos para crianças e adolescentes. Os cursos de teatro, balé, expressão corporal e capoeira reuniram turmas de crianças e adolescentes que, fora do Centro Tecla Merlo, não teriam acesso às atividades que ajudam na socialização e no desenvolvimento psicológico e cognitivo. A mestre de cerimônias do evento foi a irmã Verônica Firmino, fsp, devidamente paramentada com a personagem que criou, Bellinha, a Ovelhinha.

O evento contou com a presença da irmã Ana Marlene Konzen, fsp, presidente das Paulinas no Brasil, que destacou a importância do Centro e o motivo pelo qual ele leva o nome da Irmã Tecla Merlo. “A Irmã Tecla Merlo, cofundadora das Paulinas no mundo, sempre acreditou que a missão de levar o Evangelho também incluía o apoio às famílias, principalmente as mais carentes. Por isso, o Centro Social Irmã Tecla Merlo é, hoje, a realização do projeto de nossa fundadora”, disse a irmã Marlene.

O depoimento dos atendidos pelo Centro revela a multiplicidade de benefícios que encontram no local. “Eu amo este lugar. Ele significa muito na minha vida. Aqui fiz artes, esportes e me socializei”, disse Haica Costa, de 11 anos, frequentadora do Centro Social desde os 6 anos. Para Amanda Fernandes de Souza, de 14 anos, o Centro é importante porque lhe possibilitou “viver novas experiências e ter novos aprendizados, que levaram novas amizades, aprendizados e responsabilidades para a sua vida”.

Socialização e formação profissional também são destaques para os adolescentes, como para Ágata Franco, de 15 anos, que diz ter trabalhado melhor a questão da timidez e da socialização, além de ter aprendido informática. Sophia Fernandes de Oliveira, de 14 anos, que frequenta a entidade há dez anos, diz que aproveita e frequenta todos os cursos que pode, e que o Centro Social lhe proporciona os “melhores momentos de sua vida”.

Para os pais, o Centro Tecla Merlo também representa um apoio psicológico, como disse Ayako Sato, do Clube de Mães da entidade. “Aqui eu tive paz, alegria e amparo nos momentos mais difíceis da minha vida”, disse ela.

Para as crianças menores, que estão descobrindo a vida, o Centro Tecla Merlo tem sido, nesses 30 anos, uma fonte de oportunidades incríveis, como destacou Bruno Torok, de 10 anos, para quem as aulas de artes foram muito importantes. “Assim eu vi que a cultura faz parte de todos nós”, disse ele. Amor e carinho também são importantes. “Aqui tem muito amor, carinho, os professores são legais e a comida da Edilene é deliciosa”, disse Manuela Yollanda Gomes, de 7 anos, em seu depoimento sobre como o Centro Social é importante em sua vida.

Segundo Ana Paula da Cruz, 43, coordenadora pedagógica que atua no Centro Social há 23 anos, o trabalho com crianças busca ser uma extensão da escola, ajudando-as com reforço escolar, arte, esporte e capoeira, para que se tornem cidadãos melhores.

Assim, nos últimos 30 anos, famílias inteiras passaram pelo Centro Social Irmã Tecla Merlo. Muitas crianças tiveram a oportunidade de crescer e desenvolver-se profissionalmente, formando suas próprias famílias. Crianças e adolescentes têm acesso às artes e ao esporte, coisas que talvez não teriam se não houvesse o Centro Tecla Merlo. Pais e mães encontram um suporte psicológico e social, para aliviar o peso de um cotidiano nem sempre tranquilo.

Assim é o Centro Social Irmã Tecla Merlo: um centro de promoção humana que leva esperança para a vida de famílias inteiras há 30 anos. E, para ajudar esse trabalho social, você pode doar dinheiro, alimentos e outros materiais.

A chave PIX do Centro Social é o CNPJ 61.725.214/0036-40. A conta para depósitos é: Banco Itaú – Ag. 0081, c/c 91408-7. A doação de alimentos não perecíveis pode ser feita diretamente na entidade, que fica na Rua Onze, n. 32, Grajaú, Parque América – CEP 04822-270. Mais informações pelo telefone (11) 5973-6892.

Sobre o Centro Social Irmã Tecla Merlo:

Situado no bairro do Grajaú, na zona sul de São Paulo, o Centro Social Irmã Tecla Merlo executa programas de proteção social básica voltados para o desenvolvimento da promoção humana, da cidadania e da inclusão social de famílias, crianças, adolescentes e idosos que vivem em situação de vulnerabilidade ou risco pessoal e social.

Sobre Paulinas:

Referência de qualidade, ética e respeito pela diversidade cultural, Paulinas Editora está presente no Brasil desde 1931 e, ao longo de sua trajetória, vem sendo reconhecida por sua atuação com inúmeras premiações, com destaque para oito Prêmios Jabuti – o mais importante prêmio literário do País, conferido pela Câmara Brasileira do Livro –, e com participação em feiras literárias internacionais. Assume como valores em sua ação: Alegria em servir; Amor à missão; Colaboração e criatividade; Comunhão e participação; Espiritualidade; Harmonia e beleza; Ética e responsabilidade social.


 






Contato para imprensa: Marco ASA | Tel.: (11) 5081-9333 | WhatsApp: (11) 96585-1710 | imprensa@paulinas.com.br

 



Fonte: sala de imprensa
Postado por: Sala de Imprensa



Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Assim é o Natal: uma canção de paz de Antonio Cardoso
Assim é o Natal, paz, Antônio Cardoso, Natal, nascimento de Jesus, música de natal, música natalina, é natal, música para o natal, playlist de natal, paulinas comep, irmãs paulinas, paulinas brasil

Livros da Paulinas e do Saberes e Letras farão parte do acervo de salas de leitura e bibliotecas das escolas municipais de São Paulo
Lvros da Paulinas e de seu selo Saberes e Letras vão compôr o acervo das salas e dos espaços de leitura das escolas municipais de São Paulo.

Bellinha, a Ovelhinha apresenta o seu novo clipe, “Criança Aprendiz”
Além da canção, o clipe é uma forma prática para ensinar sobre os seus direitos e responsabilidade e está disponível no canal da Bellinha no YouTube.

Livro “Como é que está aí?” fala da preocupação com o outro no mundo pós-pandemia
O livro "Como é que está aí?"nos ajuda a compreender as perdas e a amparar pessoas queridas que passam por isso.

Irmãs Paulinas praticam o primordial de sua missão ao apoiar a realização do II Simpósio Bíblico Internacional em Angola
As Irmãs Paulinas participaram ativamente na realização do II Simpósio Bíblico Internacional, realizado entre os dias 16 e 18 de setembro em Luanda, capital da Angola.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados