BUSCA

Bolotinha: um detetive pra lá de especial

Data de publicação: 12/06/2007

imprimir

Trailer



'Assim que o garoto saiu, procurei me informar mais sobre gatos siameses. Reli "O Gato de Botas", "A Gata Borralheira e os Sete Gatinhos", mesmo que este último não tenha muito a ver com o tema que eu iria investigar, mas ler Nelson Rodrigues sempre é cultura a mais.'

Nem bem chegou a Itapema, cidade praiana do norte de Santa Catarina, e o detetive Bolotinha já se viu às voltas com o caso de Deputado, um gato siamês desaparecido de casa há uns quatro meses. Nem mesmo cartazes espalhados por toda a cidade tinham ajudado a encontrá-lo. Era mesmo um mistério. Está certo que o caso só lhe caiu no colo porque todos na cidade estavam intrigados com o fato de existir um detetive especializado em desvendar apenas os casos que envolvessem crianças.

Mas porque tanto espanto? "Não tem médico de criança, que chamamos de pediatra? Não tem dentista que só trata dentinhos de pequerruchos? Não tem psicólogo que cuida somente deles também? Não tem treinador de futebol que só ensina crianças a jogar futebol? Pois então, ele é detetive de crianças, e os problemas delas o doutor Bolotinha resolve".

O escritor Kalunga estava circulando por Itapema e decidiu acompanhar as investigações mais de perto. Assim, em Os casos do detetive Bolotinha, ele narra dois dos casos ali resolvidos e em pouco mais de três meses: "O sumiço do gato siamês" e "Roubaram meu queijinho também". A fama de Bolotinha se espalhou rapidamente e ele foi chamado à capital do Paraná, Curitiba, para resolver mais um: "A filha da dona Carmelina", também relatado aqui.

Com os elementos clássicos das histórias de detetive - acontecimento, suspeitos, averiguação e desfecho -, o livro prende a atenção dos leitores, que ficam ávidos pela solução dos mistérios. O desenhista Manuel Frota Yepez, o Paryàt (que quer dizer "mensageiro"), ajuda o leitor a entrar no clima de suspense. Ele diz até que se sentiu um pouco detetive por descobrir o quanto é delicioso o livro.

Mais do que aventuras detetivescas, o livro aborda questões fundamentais para crianças e jovens, como relacionamento familiar, amizade, apego, convívio, ética... Ah, e dá uma boa pista para quem quiser se arriscar por um mundo de mistérios e descobertas: além de se entregar inteiramente aos casos que exigem concentração e total responsabilidade, ler muito é fundamental.

Título: Os casos do detetive Bolotinha
Autor: Kalunga
Ilustrador: Prayàt Frota Yepez
Editora: Paulinas
Público-alvo: crianças e leitoras fluentes
Coleção: Maria Fumaça - Série Carvão
Formato: 13,5 x 20 cm
Páginas: 94
Preço: R$13,50
Código: 511099
ISBN: 9788535618938

Paulinas Editora
Sala de Imprensa
Joana Fátima, Taís Gonzáles, Ir. Ana Sofia, fsp
www.paulinas.org.br/imprensa
imprensa@paulinas.com.br



Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Consciência negra se constrói com histórias e representatividade
No mês da consciência negra, a Paulinas apresenta uma série de livros inspirados e contatos do ponto de vista da África e dos africanos, contribuindo com a representatividade e com a auto-estima de afrodescendentes.

Burnout
A síndrome de 'Burnout' descreve o estado de exaustão intensa e prolongada da pessoa em relação ao seu trabalho. Entre eles, tem chamado atenção, pela sua frequência e gravidade, o complexo de desgosto, cansaço e desencanto que afeta muitos profissionais.

"Violência doméstica e familiar contra a mulher" - Um problema de toda a sociedade
Os artigos foram escritos por especialistas de diversas áreas que, a partir de sua experiência , buscam informar e orientar sobre como reconhecer um caso de violência doméstica e o que fazer.

O perfume da esperança
A obra narra a emocionante história de Paolo, um brasileiro adotado por uma família italiana, na busca por suas raízes.

Confessar... O quê? Por quê? Como?
Novo livro de padre Cleiton Viana convida você a refletir e compreender o sacramento da confissão.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados