BUSCA

Via-crúcis com Bento XVI

Data de publicação: 23/02/2007

imprimir

Trailer



Celebrar a Via-Sacra é uma forma de percorrer a caminhada dolorosa de Jesus rumo ao Calvário. Esta obra propõe a contemplação e as repercussões em nossa vida de cada momento da Paixão do Senhor, tendo como base as meditações e orações do Santo Padre o Papa Bento XVI.

Em uma das imagens mais comoventes da Igreja, o Papa João Paulo II aparece estreitando a si o crucifixo, conferindo um sentido ainda maior à celebração do rito da Via-sacra na noite sexta-feira santa de 2005, aquele que seria o último ano de seu pontificado.

Já bastante fragilizado, ele confiou a celebração do ritual ao então cardeal Joseph Ratzinger, e, diante do altar de sua capela privada, assistiu pela televisão ao ofício que se realizava no Coliseu, local sagrado associado ao martírio dos cristãos. Uniu, assim, seu sofrimento à via-sacra de Cristo.

Milhares de peregrinos acompanharam a cerimônia e as reflexões acerca da falta de fé da humanidade levantadas pelo Cardeal Ratzinger. Apenas uma semana depois, no dia 2 de abril de 2005, os sinos da Basílica de São Pedro anunciaram a morte de João Paulo II. No dia 19 de abril, o então cardeal Ratzinger foi eleito seu sucessor, adotando o nome de Bento XVI.

Esse momento inesquecível é rememorado em A Via Sacra no Coliseu - Meditações e orações de Bento XVI . Enriquecida com belíssimas reproduções da via-sacra da Catedral de Pádua (Itália), esta obra lançada por Paulinas, apresenta e propõe as reflexões de Bento XVI sobre a contemplação e as repercussões em nossa vida de cada momento da Paixão do Senhor.

Livro: A Via Sacra no Coliseu - Meditações e orações de Bento XVI
Departamento para as Celebrações Litúrgicas do Sumo Pontífice
Editora: Paulinas
Formato: 12,5 x 18,0
Preço: R$ 18,40
Código: 51040-8

Departamento de Comunicação
Malu Delmira  e Joana de Fátima
imprensa@paulinas.com.br
Tel: (11) 5081-9333 / 7203-8595


Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

De excluído a agente transformador - uma trajetória possível
A eficácia de um trabalho da Pastoral da Criança em prol da diminuição do analfabetismo em comunidades carentes da periferia de Recife levou Padre Bruno Carneiro Lira a escrever este livro, que traz subsídios e sugestões para que experiências como essa se

A arte como porta-voz da natureza em agonia
O artista polonês Frans Krajcberg é um inconformado com os crimes ecológicos. Transformar em arte a natureza morta é a forma que encontrou para defender a natureza. Seja em quadros-objeto ou fotografia, seu trabalho retratando a destruição da natureza pel

Pais-professores: sem culpa ao escolher a escola para os filhos
Que tipo de escola os pais que ensinam em escolas públicas escolhem para seus filhos? Por que rejeitam para seus filhos a rede de ensino na qual trabalham? Retrato sem retoques de nossa realidade educacional, esta obra traça um perfil dos problemas enfren

A palavra levantando poeira
Fruto de um processo quase sempre meditativo, o haicai é um gênero literário de origem japonesa que procura dizer o máximo com o mínimo de palavras. Aqui, Jorge Fernando dos Santos procura exercitar o haicai com a aguçada percepção de um arqueiro que obse

A mulher como o elo mais forte na construção de um mundo mais solidário
"Deus fez para o homem um trono, para a mulher, um altar. O homem está colocado onde termina a terra; a mulher, onde começa o céu". Com este pensamento de Victor Hugo, o médico ginecologista Eurico Alonço Malagodi finaliza este livro, uma análise da vida

Início Anterior 153 154 155 156 157 158 159 160 161 162 163 164 165 166 167 168 169 170 171 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados