BUSCA

Via-crúcis com Bento XVI

Data de publicação: 23/02/2007

imprimir

Trailer



Celebrar a Via-Sacra é uma forma de percorrer a caminhada dolorosa de Jesus rumo ao Calvário. Esta obra propõe a contemplação e as repercussões em nossa vida de cada momento da Paixão do Senhor, tendo como base as meditações e orações do Santo Padre o Papa Bento XVI.

Em uma das imagens mais comoventes da Igreja, o Papa João Paulo II aparece estreitando a si o crucifixo, conferindo um sentido ainda maior à celebração do rito da Via-sacra na noite sexta-feira santa de 2005, aquele que seria o último ano de seu pontificado.

Já bastante fragilizado, ele confiou a celebração do ritual ao então cardeal Joseph Ratzinger, e, diante do altar de sua capela privada, assistiu pela televisão ao ofício que se realizava no Coliseu, local sagrado associado ao martírio dos cristãos. Uniu, assim, seu sofrimento à via-sacra de Cristo.

Milhares de peregrinos acompanharam a cerimônia e as reflexões acerca da falta de fé da humanidade levantadas pelo Cardeal Ratzinger. Apenas uma semana depois, no dia 2 de abril de 2005, os sinos da Basílica de São Pedro anunciaram a morte de João Paulo II. No dia 19 de abril, o então cardeal Ratzinger foi eleito seu sucessor, adotando o nome de Bento XVI.

Esse momento inesquecível é rememorado em A Via Sacra no Coliseu - Meditações e orações de Bento XVI . Enriquecida com belíssimas reproduções da via-sacra da Catedral de Pádua (Itália), esta obra lançada por Paulinas, apresenta e propõe as reflexões de Bento XVI sobre a contemplação e as repercussões em nossa vida de cada momento da Paixão do Senhor.

Livro: A Via Sacra no Coliseu - Meditações e orações de Bento XVI
Departamento para as Celebrações Litúrgicas do Sumo Pontífice
Editora: Paulinas
Formato: 12,5 x 18,0
Preço: R$ 18,40
Código: 51040-8

Departamento de Comunicação
Malu Delmira  e Joana de Fátima
imprensa@paulinas.com.br
Tel: (11) 5081-9333 / 7203-8595


Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Michilo, o gato, passeou pela Bienal na tarde do dia 12 de março
O escritor José Arrabal compareceu ao estande de Paulinas na Bienal na tarde do úlimo dia 12 para uma sesão de autógrafos do livro "Cacuí - o curumim encantado", que conta a aventura do pequeno índio em uma aldeia perdida nas matas às margens do Rio Negro

Crescer com arte: a proposta de Paulinas para as crianças
"Ulomma - a casa da beleza" é uma homenagem do autor nigeriano Sunny à Mãe África, berço da humanidade, e um convite ao resgate de elementos importantes da história e da cultura africanas, componentes de nossa formação cultural.

Os segredos da telenovela brasileira
Obra aborda a relação entre a música e o universo da teledramaturgia e, entre outras coisas, faz o leitor compreender como se dá a manipulação psicológica do telespectador por meio da trilha musical e qual o papel da indústria fonográfica na elaboração e

Sunny surpreende-se com a receptividade na feira
"Ulomma - a casa da beleza" é uma homenagem do autor nigeriano Sunny à Mãe África, berço da humanidade, e um convite ao resgate de elementos importantes da história e da cultura africanas, componentes de nossa formação cultural.

Dorina Nowill: graça, sabedoria e humor na Bienal
Claudia Cotes, Dorina Nowill, personagem do livro "Dorina Viu", e a escritora Elizete Lisboa estiveram presentes no estande de Paulinas na Bienal para receber os visitantes e discutir a questão da inclusão social e educacional dos deficientes visuais, no

Início Anterior 163 164 165 166 167 168 169 170 171 172 173 174 175 176 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados