BUSCA

Poema "O Uraguai" recebe versão em prosa por Paulinas

Data de publicação: 21/11/2011

imprimir

Trailer



Obra tem a audácia de inserir em nossa literatura a presença do indígena - rústico, sim, mas orgulhoso, autêntico, guerreiro e articulado.

Considerado o mais significativo e influente poema épico do idioma português desde Os Lusíadas, de Camões, o poema O Uraguai é o título que representa o Brasil na coleção Clássicos do Mundo, de Paulinas Editora, contado em prosa por Luiz Galdino. A seu modo, no seu tempo, a obra de Basílio da Gama é considerada um marco decisivo na formação da nossa Literatura. Com ela, que não poupa críticas aos jesuítas e aos guaranis, considerados inimigos do reino, o poeta teve anulada sua condenação a degredo em Angola e foi nomeado escrivão do reino.

O assunto da obra é a expedição de portugueses e espanhóis, unidos contra as missões jesuíticas (Os Sete Povos das Missões) no sul do Brasil, para fazer valer o Tratado de Madri que determinava de novo (Tordesilhas não deu certo!) quais terras pertenciam a Portugal e quais, à Espanha. Ocorre que naquela época a figura política de maior expressão em Portugal era o Marquês de Pombal, que disseminou verdadeira perseguição à Companhia de Jesus e viu no Tratado mais oportunidade de expulsar os jesuítas da Colônia, além de angariar mais terras para a Metrópole. No entanto, quando lemos a obra de Basílio, nos defrontamos com um poeta fazendo apologia à política perseguidora do Marquês, como disse, pura sujeição para não ser deportado a Angola.

Além de uma medida ideal para o tamanho e a versificação do poema, O Uraguai inova em sua constituição quando escolhe para assunto tema ideológico e apresenta o indígena brasileiro não como matéria de curiosidade e exotismo, mas como “matéria poética”, quando valente e convicto de seus direitos afirma: “Esta terra tem dono!”. Já a presente criação em prosa do épico de Basílio da Gama tem o preciso mérito de ser narrativa que se expressa com acentuada elegância verbal, sempre reverente à força literária da obra matriz. Ao associar as passagens do poema com bem pontuadas considerações históricas, Luiz Galdino dimensiona o conhecimento do leitor no sentido de uma apropriação mais intensa e prazerosa de O Uraguai. Mergulhado na triste porém fascinante saga dos índios das Missões, o ilustrador Daniel Araujo conseguiu captar com vigor a importância do episódio para nossa História.

O Uraguai - da obra de Basílio da Gama
Contado por: Luiz Galdino
Ilustrações: Daniel Araujo
Coleção: Clássicos do Mundo
152 págs.
Formato: 15,5 x 20,0
Cód.: 519154
Preço: R$ 31,00 

Sala de Imprensa
Paulinas Editora
Joana Fátima, Paula Oliveira e Roberta Molina
www.paulinas.org.br/sala_imprensa
imprensa@paulinas.com.br



Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Povos da floresta
“Povos da floresta – Cultura, resistência e esperança” traz a visão do Brasil de um ângulo que não costuma frequentar os grandes meios de comunicação.

Dia da Consciência Negra
Lembramos o Dia da Consciência Negra com uma coleção de livros que retratam a cultura do povo africano.

Naquele ano
Uma história emocionante, na qual a amizade verdadeira e o amor da família são o apoio e a ajuda nos momentos mais difíceis.

Deus desce
Paulinas Editora acaba de lançar o livro “Deus desce”, da autora Edicleia Tonete, fsp.

Um anjo também para você
O livro “Um anjo também para você”, de Anna Maria Cànopi, lançamento da Paulinas Editora, explica as citações dos anjos no Novo Testamento, bem como traz comentários da autora com aspectos humanos da experiência da fé.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados