BUSCA

Pe. Zezinho, scj, o precursor da música católica, completa 50 anos de vida missionária

Data de publicação: 17/03/2014

imprimir

Trailer



De norte a Sul, multidões foram e são contagiadas pelas palavras do sacerdote que está sempre ao lado do povo.

Uma solenidade no auditório São Paulo, na central Paulinas, em 22 de março, às 10h, marca o início das comemorações dos 50 anos de evangelização de Pe. Zezinho, scj. Para o evento foram convidados religiosos, profissionais da música, autoridades civis e religiosas, além de pessoas que fizeram parte da trajetória missionária do Padre. Será uma manhã marcada por homenagens e confraternização.
   
Mineiro de Machado, nascido em 1941 e criado em Taubaté-SP, no Vale do Paraíba, começou a ensaiar ao violão as suas primeiras canções desde muito jovem e, hoje, o primeiro artista da Paulinas-Comep é considerado um dos ícones da música católica e precursor da moderna canção católica popular no Brasil.

Em meio século de carreira musical, José Fernandes de Oliveira coleciona a marca de 1.500 canções compostas e mais de 120 álbuns registrados. São milhões de discos vendidos no mundo, mais de 80 livros, e diversos programas de rádio e TV. Suas obras falam sobre democracia, libertação, solidariedade, ecologia, filosofia, teologia, martírio, terceira idade e sobre a difícil arte de cantar a fé nos dias de hoje. Suas letras inspiraram músicos, fortaleceram a fé de inúmeras famílias e despertaram a vocação para a vida missionária de muitos religiosos.

E, para celebrar este momento tão especial, algumas ações foram preparadas. Além de lançamentos de livros, CDs e DVD, uma exposição no hospital Santa Catarina, em São Paulo, vai apresentar a trajetória de evangelização do padre que mobilizou multidões. Documentos com letras de músicas censuradas pela ditadura, capas de livros, fotos de shows, DVDs e discos antigos poderão ser conferidos a partir de 14 de maio, às 15h, no saguão principal do hospital, entrada pela Avenida Paulista.

A responsável pela divulgação da gravadora Paulinas-Comep, Irmã Ana Gleyce Tavares, garante que durante o ano outras surpresas vão acontecer. “Estamos planejando outras ações, no entanto, todos os eventos realizados neste ano serão insuficientes para agradecer o que ele fez e faz pela nossa Igreja”, conclui a Irmã.



Imprensa:
Roberta Molina
Dep. Comunicação e Mkt
(11) 5081-9333 Ramal 9451
(11) 97549-3573
imprensa@paulinas.com.br
www.paulinas.org.br


Fonte: sala de imprensa
Postado por: Sala de Imprensa



Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

SETEMBRO AMARELO - Considerado um assunto tabu, o suicídio é o tema de livro lançado pela Paulinas
No Setembro Amarelo, de prevenção ao suicídio, o suicidólogo Padre Lício de Araújo Vale lança um livro que ajuda a entender e prevenir o suicídio

São Luís tem festa em dobro para comemorar os 90 anos de presença no Brasil e 42 anos de missão em terras maranhenses
No momento em que as Paulinas comemoram os 90 anos de caminhada no Brasil, a filial de São Luis comemora os 42 anos em terras maranhenses.

Paulinas lança livro-agenda em homenagem aos 80 anos de vida de Pe. Zezinho, scj
“No Caminho do Reino com Pe. Zezinho, scj” é um livro-agenda que apresenta conteúdos para encontros diários com Jesus.

Contemplando o passado, mas prontas para os desafios do futuro, as Irmãs Paulinas celebram os 90 anos de missão no Brasil
As irmãs Paulinas comemoram, em 2021, os 90 anos de caminhada no Brasil. Em 1931, desembarcou no Brasil a Irmã Dolores Baldi para começar a primeira incursão das Filhas de São Paulo fora do território italiano.

“Sangue Redentor”, o novo EP do cantor Alencastro
Mais do que uma produção musical, o álbum pretende ser um instrumento para que cada um clame a cura ao Senhor.

Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados