BUSCA

O papel - e o exemplo - do adulto no desenvolvimento moral da criança

Data de publicação: 30/09/2008

imprimir

Trailer



Não há manuais para educar filhos mas refletir sobre o papel do adulto na formação das crianças é um bom começo para o pai ou mãe que deseja que seu filho seja uma pessoa de bem ou, mais que isso, que seja um ser humano feliz.

Um certo mal-estar tem rondado a sociedade contemporânea: A relação entre pais e filhos está cada vez mais conflituosa. As crianças parecem cada dia mais indiferentes aos apelos de pais e professores e não aceitam limites. Para tentar entender os motivos, a psicopedagoga Luciana Maria Caetano dedicou-se ao estudo da Pedagogia e da Psicologia, buscando entender o conceito de obediência nas crianças e a construção da personalidade moral dos adolescentes. Por meio de ampla pesquisa, investigou os elementos que norteiam a conduta dos pais e os critérios utilizados para a punição de crianças desobedientes. Verificou também a qualidade da relação estabelecida entre as famílias e as escolas, o que os pais desejam e esperam.

O livro O conceito de obediência na relação pais e filhos apresenta os resultados de sua pesquisa. O objetivo, entretanto, não foi apenas de descobrir o que pais e mães pensam a respeito de obediência, mas também compreender os conceitos que norteiam os adultos em relação aos cuidados necessários ao pleno desenvolvimento da personalidade das crianças. Que concepções de obediência e respeito possuem e como as transformam em práticas educativas? Essas práticas são condizentes com suas teorias sobre a obediência?

Realizado à luz da teoria de Jean Piaget (que defende que a escola construa uma ligação com a família de modo a possibilitar a ajuda recíproca que garantirá até mesmo a divisão das responsabilidades), o trabalho revelou que, de modo geral, os pais não sabem o que fazer diante do desrespeito das crianças às regras estabelecidas e acabam agindo de forma instável, ambígua, e aplicando castigos desmesurados em relação às infrações cometidas e à idade de seus filhos, esquecendo-se que o mais importante é a reflexão e o respeito que devem permear qualquer relacionamento humano.

Diante desse quadro preocupante, a obra de Luciana, com seus muitos exemplos e depoimentos, é extremamente oportuna e um convite ao debate sobre o tipo de pessoas que queremos formar: obedientes, submissas e conformistas ou virtuosas, autônomas e felizes. Vale ter em mente que, ao resolver um conflito com o filho ou com o aluno, o adulto não está apenas solucionando o problema ou tão somente chamando a atenção; ele está influenciando o desenvolvimento moral da criança.


Título: O conceito de obediência na relação pais e filhos
Autora: Luciana Maria Caetano
Editora: Paulinas
Páginas.: 208
Preço: R$ 15,50
Código: 513970
ISBN: 9788535622799

Sala de Imprensa
Paulinas Editora
Joana Fátima, Taís González e Roberta Molina
www.paulinas.org.br/imprensa
saladeimprensa@paulinas.com.br



Fonte: Paulinas
Postado por: Administrador

Galeria de Imagens





Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Burnout
A síndrome de 'Burnout' descreve o estado de exaustão intensa e prolongada da pessoa em relação ao seu trabalho. Entre eles, tem chamado atenção, pela sua frequência e gravidade, o complexo de desgosto, cansaço e desencanto que afeta muitos profissionais.

"Violência doméstica e familiar contra a mulher" - Um problema de toda a sociedade
Os artigos foram escritos por especialistas de diversas áreas que, a partir de sua experiência , buscam informar e orientar sobre como reconhecer um caso de violência doméstica e o que fazer.

O perfume da esperança
A obra narra a emocionante história de Paolo, um brasileiro adotado por uma família italiana, na busca por suas raízes.

Confessar... O quê? Por quê? Como?
Novo livro de padre Cleiton Viana convida você a refletir e compreender o sacramento da confissão.

É mamífero que fala, né?
Lançamento da Paulinas Editora, o livro chega às livrarias e lojas on-line com uma proposta inusitada: falar de aleitamento materno diretamente para as famílias, especialmente para as crianças, empregando uma linguagem carinhosa, cuidadosa e acessível.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados