BUSCA

Paulinas de Belo Horizonte participa do Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais

Data de publicação: 19/07/2017

imprimir

Trailer



 


Entre os dias 15 e 20 de agosto, a Paulinas Livraria de Belo Horizonte marca presença pelo terceiro ano no Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais. A feira literária, que chega à terceira edição, acontecerá no Parque Municipal Américo Renné Giannetti, em Belo Horizonte (MG). Depois de um hiato de quatro anos, a Câmara Mineira do Livro, com o apoio das Secretarias de Estado da Cultura e da Educação, espera realizar um grande evento, com a presença das maiores editoras do Brasil.

Mais uma vez, a Paulinas leva para o salão do livro o que há de melhor em seu catálogo, reafirmando o compromisso com os direitos humanos, com a ética e com a vontade de ajudar a criar uma nova realidade social. Terezinha Dambros, gerente da Paulinas Livraria, afirma que o evento “é uma ótima oportunidade para aquecer a economia e a literatura da cidade”, além de destacar a importância do estímulo da leitura para as crianças e os adolescentes.

O estande da editora estará em um dos locais mais privilegiados do parque e contará com a presença da autora Elizete Lisboa e do autor Léo Cunha. Elizete, que é deficiente visual, fará uma apresentação diferenciada para o público com as principais obras de Paulinas Editora escrita em braille. Léo Cunha será presença ilustre na praça de autógrafos, onde lançará o livro “Cachinhos de Prata”, recentemente publicado por Paulinas Editora, com ilustrações de Rui de Oliveira.

Léo Cunha, mineiro com mais de 50 livros para crianças e jovens no currículo, é o curador do salão e responsável por toda a programação, que inclui lançamentos, palestras, mesas-redondas, palco de histórias e outras atrações, com convidados locais e de todo o país. Marilda Castanha, autora e ilustradora, será a escritora homenageada.

O Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais é um dos eventos literários mais importante do estado, no qual os visitantes têm a oportunidade de se aproximar dos seus autores favoritos, folhear livros, viajar por lugares desconhecidos e participar de atividades culturais.

Durante cinco dias, Belo Horizonte se torna a capital da cultura, da literatura e da educação.

 


João Marcos Badaró

Comunicação / Eventos Paulinas
mkteventos@paulinas.com.br