BUSCA

Livro infantil mostra de forma singela a vida das crianças do sertão nordestino

Data de publicação: 27/09/2022

imprimir

Trailer




Livro “A menina, o menino e o fio do tempo” é o lançamento do selo Saberes e Letras

 Todo mundo já foi criança, inclusive os seres históricos da vida brasileira. Partindo dessa premissa, podemos crer que o nascimento, a infância e as vivências dos primeiros anos de vida são cercados de belezas, aventuras e particularidades dos nossos locais de origem. Neste mote, o livro “A menina, o menino e o fio do tempo” inova ao contar a rotina de Virgulino e Maria da Déa de uma forma leve e lúdica. .

Para contar a história da menina e do menino, as autoras Lenice Gomes e Cláudia Lins fizeram uma pesquisa profunda entre Alagoas, Pernambuco e Sergipe, assim como visitaram o Museu do Sertão (em Piranhas, AL); o Museu do Cangaço (em Serra Talhada, PE); e o Museu de Arqueologia de Xingó (em Canindé do São Francisco, SE).

 O resultado é um livro leve, cheio de belas ilustrações (de Daniela Aguilar) e em linguagem poética. Por meio da intertextualidade com cantigas de roda, descreve as características regionais da zona rural do sertão nordestino, a infância em contato com a natureza, a cultura e o artesanato. De forma sutil, o cangaço é citado como um elemento do “fio do tempo”, mas nada que impeça seu uso em sala de aula ou como sugestão de leitura para crianças.

 

Livro: A menina, o menino e o fio do tempo

Texto: Lenice Gomes e Cláudia Lins

Ilustrações: Daniela Aguilar

Número de páginas: 48

Para saber mais sobre a obra acesse: https://bit.ly/3SjQsyK

 Quem escreveu?

Lenice Gomes é pernambucana e mora na alegre cidade de Olinda, onde realiza o projeto Noite de Histórias e fundou a Cia. Palavras Andarilhas. É educadora especialista em Literatura Infantojuvenil e contadora de histórias. Publicou dezenas de livros para crianças e adolescentes, alguns deles premiados com o selo Altamente Recomendável da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil.

Cláudia Lins  nasceu no Rio de Janeiro, onde se formou em Jornalismo e fez teatro na escola O Tablado, da dramaturga Maria Clara Machado. Foi repórter de TV, publicou diversos livros infantojuvenis e, hoje, da ensolarada cidade de Maceió, onde mora, coordena um portal literário chamado Mundo Leitura.

Quem desenhou?

Daniela Aguilar é mineira e atualmente possui um atelier nas Montanhas Capixabas, onde está sempre entre sonhos, desenhos, objetos e cores. Tem formação em Artes Plásticas e Moda, com especialização em design têxtil e ilustração de livros infantis.

Sobre o Saberes e Letras: Criado em 27 de julho de 2020 e lançado oficialmente no dia 15 de junho de 2021, o selo editorial Saberes e Letras tem como foco o lançamento de obras ligadas à cultura, à educação e ao entretenimento em geral, sempre buscando conteúdo de qualidade que promova o crescimento intelectual de seu público. Seu ícone é uma coruja, símbolo do conhecimento, e a marca faz parte do grupo Paulinas Editora, empresa com 90 anos de presença no Brasil e 106 anos no mundo.

Contato para imprensa : Marco ASA | Tel.: (11) 5081-9333 | WhatsApp: (11) 96585-1710 | imprensa@paulinas.com.br



Fonte: sala de imprensa
Postado por: Sala de Imprensa



Compartilhe este conteúdo:



Veja Também

Assim é o Natal: uma canção de paz de Antonio Cardoso
Assim é o Natal, paz, Antônio Cardoso, Natal, nascimento de Jesus, música de natal, música natalina, é natal, música para o natal, playlist de natal, paulinas comep, irmãs paulinas, paulinas brasil

Centro Social Irmã Tecla Merlo: há 30 anos semeando esperança na vida das pessoas
Há 30 anos era fundado o Centro Social Irmã Tecla Merlo, que oferece suporte na formação humana para famílias inteiras na região do Grajaú, na capital paulista, um local com um dos IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) mais baixos do Brasil.

Livros da Paulinas e do Saberes e Letras farão parte do acervo de salas de leitura e bibliotecas das escolas municipais de São Paulo
Lvros da Paulinas e de seu selo Saberes e Letras vão compôr o acervo das salas e dos espaços de leitura das escolas municipais de São Paulo.

Bellinha, a Ovelhinha apresenta o seu novo clipe, “Criança Aprendiz”
Além da canção, o clipe é uma forma prática para ensinar sobre os seus direitos e responsabilidade e está disponível no canal da Bellinha no YouTube.

Livro “Como é que está aí?” fala da preocupação com o outro no mundo pós-pandemia
O livro "Como é que está aí?"nos ajuda a compreender as perdas e a amparar pessoas queridas que passam por isso.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo Final
Busca avançada
Copyright © Pia Sociedade Filhas de São Paulo - Brasil - Direitos Reservados